Como melhorar a sua performance física

O treino físico prepara o atleta para aumentar o seu desempenho. Aprenda a otimizar o rendimento na prática regular de exercício físico com estas dicas.

Como melhorar a sua performance física
Descubra o segredo para potenciar a performance física

O objetivo das pessoas que praticam exercício físico regular, sejam atletas profissionais ou não, é conseguir cada vez mais capacidade física, potenciar os treinos em resistência e carga para atingir o êxito na atividade desportiva.

O seu corpo possui todas as informações sobre o seu rendimento físico e as metas que poderá atingir a curto, médio e longo prazo. É necessário saber e aprender a descodificar essas informações e interpretá-las de forma realista e consciente. A evolução deverá ser gradual e progressiva para evitar lesões e desajustes físicos que poderão pôr em causa a sua integridade desportista.

Em todo o caso, o seu plano de atividade física poderá ser feito com acompanhamento especializado, um treinador, personal training ou um professor da área disciplinar que pratica. Este acompanhamento permite a avaliação, escolhas e toda a gestão que o ajudarão a atingir os resultados que deseja com segurança e motivação.

A fitoterapia ao serviço da performance física

fitoterapiaFonte da imagem: Natural Med

Receita fitoterápica

Ingerir duas horas antes do exercício físico extrato líquido ou seco combinado de Eleutrococo, Ginseng Coreano, Rodiola e carnitina.

O Eleuterococo, o Ginseng Coreano e a Rodiola são plantas medicinais com ação adaptogénica, com capacidade para ajudar naturalmente o corpo a tolerar os danos causados pelo stress físico.

A carnitina (L-carnitina) é uma substancia presente nos tecidos musculares, sintetizada pelo próprio organismo em pequenas quantidades. Pode obter-se através da dieta pelo consumo de carnes vermelhas e produtos lácteos. No entanto, são muitos os casos em que existe uma carência deste nutriente, como por exemplo no exercício físico extenuante, nos vegetarianos e na obesidade.

Nos desportistas, ajuda a aumentar a resistência, a promover o desenvolvimento da massa muscular, bem como a recuperar de lesões. A L-carnitina não é tóxica, não causa dependência, pelo que pode ser consumida como suplemento alimentar para melhorar a performance física.

O Eleuterococo (Eleuterococo senticosus) não só aumenta a resistência física, como melhora a saúde mental, melhora a imunidade, regula a função endócrina pela diminuição dos níveis de cortisol, proporcionando diminuição da fadiga, astenia, ansiedade e stress.

O Ginseng Coreano (Panax Ginseng), uma das plantas mais estudadas na antiga fitoterapia, cujas propriedades terapêuticas a tornaram uma espécie protegida. Muito consumida para aumentar a energia do organismo, aumentando a capacidade de exercício, trabalho, concentração e redução significativa do stress.

A Rodiola (Rhodiola rosea) é uma outra planta surpreendente da natureza. Melhora a sensação de calma ao mesmo tempo que aumenta a energia, a concentração e a resistência física.

Outras dicas importantes

  • Alimentação rica em carboidratos (pão, cereais, arroz e massas) que auxiliam na aquisição ou manutenção da massa muscular necessária para manter o corpo do desportista em boas condições;
  • Hidratação com ingestão de bastantes líquidos ao longo do dia;
  • Determinação: faça acontecer os seus objetivos. Vencer uma prova ou conseguir atingir uma simples meta física é o impulso para o trabalho e nunca se renda às dificuldades ou aos momentos de desânimo.

Veja também:

Ana Luisa Santo Ana Luisa Santo

Enfermeira especializada em acupuntura e medicina tradicional chinesa. É uma apaixonada pela saúde natural e terapias alternativas, explorando ativamente formas seguras de cuidar a saúde e o bem-estar. Trabalhou no Serviço de Cuidados Intensivos do Hospital Geral Santo António, Porto. Atualmente trabalha na consulta de acupuntura do Hospital da Lapa. Docente no Instituto Jean Piaget. Enfermeira voluntária na AMI.