AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Os melhores países para estrangeiros

Sair do nosso país implica, à partida, ir para um sítio melhor. Conheça os 5 melhores países para estrangeiros.

Os melhores países para estrangeiros
Quais são os melhores países para viver sem ser o seu?

Quantos de nós, a dada altura,  não resolvem deixar o país de origem e partir em busca de novas experiências, de melhores condições laborais ou de uma oportunidade única de vida?

Hoje em dia, as fronteiras são cada vez mais inexistentes e facilmente ultrapassáveis. A facilidade nas deslocações e de comunicação tornam, hoje em dia, a emigração muito mais fácil. Mesmo longe, é possível continuar a manter contacto diário com casa e regressar sempre que a saudade apertar.

Mas para trocar de país, convém ir para condições melhores. Quais serão, afinal, os melhores países para estrangeiros?
A consultora InterNations fez-se a mesma pergunta e resolveu ir à procura da resposta, dando origem a um estudo agora publicado, o Expat Insider 2015, que revela o ranking dos melhores países para estrangeiros.

 

Os 5 melhores países para estrangeiros

 

1. Equador

Equador

No estudo revelado pela consultora, o Equador foi considerado o melhor país para estrangeiros, ficando classificado de forma excelente em quase todas as categorias. A qualidade de vida e a qualidade financeira que o país oferece contribuíram em muito para este posicionamento no ranking.

 

2. México

México

Em segundo lugar está o México, com excelente classificação na facilidade de adaptação dos estrangeiros e com um custo de vida muito acessível.

 

3. Malta

Malta

Em Malta, classificada em terceiro lugar no ranking dos melhores países para estrangeiros, encontramos um excelente custo de vida, sendo que as condições do mercado de trabalho são também as melhores para os estrangeiros que aqui quiserem viver.

 

4. Singapura

Singapura

Singapura, em quarto lugar neste ranking, destaca-se pela excelente qualidade de vida e pela possibilidade de construção de família naquele que é um lugar que oferece todas as condições para tal.

 

5. Luxemburgo

Luxemburgo

O Luxemburgo recebe, desde sempre, muitos emigrantes portugueses, principalmente porque oferece boas condições laborais, sendo que os salários também estão acima da média, o que torna a vida financeira neste país mais folgada.


 

5 fatores que avaliam os melhores países para estrangeiros

1. Qualidade de vida
Para avaliar a qualidade de vida num determinado país, foram incluídos fatores como as opções culturais, a qualidade dos transportes, da saúde, a segurança alimentar, entre outros.

2. Adaptação
Há países cuja adaptação é mais fácil do que noutros, por vários motivos. Este estudo analisou os países onde é mais provável os estrangeiros sentirem-se melhor. Associado a isso, está por exemplo a facilidade em fazer amigos, a abertura social, a língua, entre outros.

3. Custo médio de vida
Um fator principal é o custo médio de vida. Os valores das casas, os impostos aplicados ou o valor da alimentação são questões fundamentais que têm de ser avaliadas na altura em que se pensa emigrar.

4. Vida familiar
Que país é o mais indicado para constituir família? Para educar os filhos? Todas estas questões também importam, principalmente as relacionadas com educação.

5. Mercado laboral
Uma das grandes motivações para emigrar é a questão profissional. Talvez por isso seja tão importante perceber quais os países que oferecem melhores condições de trabalho, a todos os níveis.


Veja também: