Os 50 melhores restaurantes do mundo

Já se imaginou a jantar no melhor restaurante do mundo? Conheça a lista dos 50 melhores restaurantes do mundo!

Os 50 melhores restaurantes do mundo
Portugal não tem nenhum representante nesta lista.

Qual será a sensação de fazer uma refeição num dos melhores restaurantes do mundo? A verdade é que a gastronomia está na moda. Há cada vez mais restaurantes especializados, apostando na qualidade dos seus chefs que fazem toda a diferença em cada refeição que preparam a preceito.

O atributo de melhor restaurante do mundo cumpre, sem sombra de dúvidas, diversos requisitos. Desde o ambiente, ao serviço, passando pela localização e qualidade da comida, existem de fato muitas condicionantes que têm de estar na perfeição para fazer de um restaurante o melhor.

O estudo realizado em 2015 revela quais são os melhores restaurantes do mundo e, o que ficou em primeiro lugar, é já aqui ao lado…
 

Os 50 melhores restaurantes do mundo em 2015


1. El Celler de Can Roca, Girona (Espanha)
El Celler de Can Roca voltou, em 2015, ao estatuto do melhor restaurante do mundo, posição que já tinha ocupado em 2013. Aberto desde 1986, a criatividade depositada nos pratos servidos, assim como a garrafeira com mais de 60 mil dos melhores vinhos do mundo empurram este restaurante para ser o melhor.

2. Osteria Francescana, Modena (Itália)
A gastronomia italiana é conhecida em todo o mundo e adorada por muitos. O segundo melhor restaurante do mundo fica em Modena, Itália, e é gerido pelo famoso chef Massimo Bottura que trabalha, todos os dias, para oferecer o melhor de Itália à mesa. 

3. Noma, Copenhague (Dinamarca)
Com duas estrelas Michelin, o Noma, em Copenhaga, é dirigido pelo chef René Redzepi e considerado o terceiro melhor restaurante do mundo em 2015. Segundo a critica, este restaurante é conhecido sobretudo pela forma como interpreta e reinventa a cozinha nórdica.

4. Central, Lima (Peru)
Saindo da Europa, é no Peru que se pode deliciar com um dos melhores restaurantes do mundo, o Central. O principal chef peruano, Virgilio Martínez Véliz, faz deste restaurante a sua oficina na investigação e integração de ingredientes peruanos indígenas, o que dá origem a combinações colossais.

A criatividade na apresentação dos pratos também faz diferença neste lugar encantado e diferenciado. Se for viajar para estes lados, não deixe de marcar mesa no Central!

5. Eleven Madison Park, Nova York (Estados Unidos) 
Chegados aos Estados Unidos, o quinto melhor restaurante do mundo só poderia ser bem no centro de Nova Iorque. O Eleven Madison Park é um restaurante contemporâneo que faz as delícias dos nova-iorquinos e não só. Inaugurado em 1998, o Eleven Madison Park oferece um forte menu de degustação com vários pratos, tendo como base as tradições culinárias de Nova Iorque.

6. Mugaritz, San Sebastian (Espanha)
Já é o segundo restaurante espanhol que surge neste topo 10 dos melhores restaurantes do mundo. Inaugurado em 1998, o Mugaritz é conhecido pela sua atividade criativa e inovadora na gastronomia, tendo sido classificado recentemente pela imprensa como um dos fenómenos gastronómicos mais importantes do mundo nos últimos tempos.

7. Dinner by Heston Blumenthal, Londres (Reino Unido)
Para quem der um salto a Londres, porque não arriscar um almoço ou um jantar no sétimo melhor restaurante de sempre? Inaugurado em janeiro, o Dinner by Heston Blumenthal é dirigido pelo ex- Fat Duck chef Ashley Palmer- Watts e tem diversas opções gastronómicas baseadas, essencialmente, em pratos britânicos históricos confecionados com alimentos que foram pesquisados pelos historiadores através da Biblioteca Britânica. Encontrará aqui pratos únicos, que não existirão em nenhum outro lugar no mundo.

8. Narisawa, Tóquio (Japão) 
O melhor restaurante da Ásia e o oitavo melhor do mundo é o Narisawa, em Tóquio. Com uma estrela Michelin, aqui poderá encontrar o melhor da gastronomia asiática, com uma qualidade inigualável. Se acha que já conhece todos os sabores da comida deste lado do mundo, atreva-se a ir ao Narisawa.

9. D.O.M., São Paulo (Brasil)
Aterrando no Brasil, mais precisamente em São Paulo, a paragem obrigatória é no D.O.M. 
Este restaurante oferece comida típica brasileira e é gerido pelo chef Alex Atala que faz questão de utilizar ingredientes brasileiros nativos, como por exemplo o suco de tucupi, pirarucu e piraíba peixes, o jambu erva e a tapioca de farinha de mandioca.

10. Gaggan, Bancóc (Tailândia)
Tailândia, porque não? Depois das praias paradisíacas e da simpatia do povo, em Banguecoque poderá encontrar também o décimo melhor restaurante do mundo!

O Gaggan utiliza técnicas de cozinha modernistas, inspirando-se em comida regional. O espaço, alojado num edifício com estilo coloquial e móveis de vime, ajuda ao cenário perfeito para esta experiencia na Tailândia. 

 

Conheça os restantes 40 melhores restaurantes do mundo

11. Mirazur, Menton (França)
12. Arpège, Paris (França)
13. Asador Etxebarri, Atxondo (Espanha)
14. Astrid Y Gastón, Lima (Peru)
15. Steirereck, Vienna (Áustria)
16. Pujol, Cidade do Mundo (México)
17. Arzak, San Sebastian (Espanha)
18. Le Bernardin, Nova York (Estados Unidos)
19. Azurmendi, Larrabetzu (Espanha)
20. The Ledbury, Londres (Reino Unido)
21. Le Chateaubriand, Paris (França)
22. Nahm, Bancoc (Tailândia)
23. White Rabbit, Moscou (Rússia) – Pela primeira vez na lista
24. Ultraviolet, Xangai (China) - Pela primeira vez na lista
25. Fäviken, Järpen (Suécia)
26. Alinea, Chicago (Estados Unidos)
27. Piazza Duomo, Alba (Itália)
28. The Test Kitchen, Cidado do Cabo (África do Sul) – Melhor restaurante da África
29. Nihonryori RyuGin, Tóquio (Japão)
30. Vendôme, Bergisch Gladbach (Alemanhã)
31. Restaurant Frantzén, Estocolmo (Suécia)
32. Attica, Melbourne (Austrália) – Melhor restaurante da Australásia
33. Aqua, Wolfsburg (Alemanhã)
34. Le Calandre, Rubano (Itália)
35. Quintonil, Cidade do México (México)
36. L’Astrance, Paris (França)
37. Biko, Cidade do México (México)
38. Amber, Hong Kong (Hong Kong)
39. Quique Dacosta, Denia (Espanha)
40. Per Se, Nova York (Estados Unidos)
41. Maní, São Paulo (Brasil)
42. Tickets, Barcelona (Espanha) – Pela primeira vez na lista e Boragò, Santiago (Chile) - Pela primeira vez na lista
44. Maido, Lima (Peru) - Pela primeira vez na lista
45. Relae, Copenhague (Dinamarca) – Pela primeira vez na lista e restaurante sustentável
46. Restaurant André, Cingapura (Cingapura)
47. Alain Ducasse au Plaza Athénée, Paris (França)
48. Schloss Schauenstein, Fürstenau (Suíça)
49. Blue Hill at Stone Barns, Tarrytown (Estados Unidos) - Pela primeira vez na lista
50. The French Laundry, Yountville (Estados Unidos)


Veja também: