As mais hilariantes mentiras dos pais aos seus filhos

Sim, mentir é feio, mas para quem tem crianças, por vezes, é mesmo inevitável. Ria-se com algumas das mais divertidas mentiras dos pais aos próprios filhos.

As mais hilariantes mentiras dos pais aos seus filhos
Originais, caridosas ou mesmo bizarras, mas todas muito divertidas.

Se há coisa verdadeiramente inevitável na relação de uma família são as mentiras dos pais para convencer ou vencer a resistência de algum rebento mais casmurro. Quando tudo o resto falha, quando nem a razão consegue impor os seus argumentos, recorrer a este estratagema torna-se a única solução viável. E, acredite, mais cedo ou mais tarde, não há um pai ou uma mãe que não pense: “Olha, se não vai a bem...”.

Porque estas inofensivas “petas” tendem a ser muito engraçadas, e também porque acreditamos que algumas podem vir a revelar-se de grande utilidade, fizemos uma pesquisa que nos deixou com um sorriso de orelha a orelha. Siga-nos e descubra as mais hilariantes mentiras dos pais para levar a sua adiante perante os filhos. Divirta-se e use por sua conta e risco!

 

As mais hilariantes mentiras dos pais aos seus filhos

 

Para inculcar alguns princípios e comportamentos básicos

  • “Quando mentes, as tuas orelhas ficam vermelhas.”
Nota: assim, quando a criança tapar as orelhas com as mãos, já sabe...
 
  • Em lojas: “Cada vez que tocas em alguma coisa, um gatinho morre.”
Nota: sim, sim, traumatizante... mas eficaz.
 
  • “Ai, a Fada dos Dentes não te deixou a moeda? Sabes o que foi? O teu quarto está tão desarrumado que ela provavelmente não encontrou o dente.”
Nota: para bom entendedor...
 
  • “Lava bem, já sabes que a Fada dos Dentes paga mais por dentes a brilhar.”
Nota: interessa é que fiquem com bons hábitos de higiene.
 
  • “Se deixares a porta do frigorífico aberta tempo demais, estás a roubar o frio de um pinguim que vive lá atrás. Depois ele vai ficar furioso e vem atrás de ti para te morder. Estou a avisar.”
Nota: O ataque do pinguim encalorado... caricato, mas parece que funciona.
 

 

Para evitar que se aventurem sozinhos no exterior

  • “Aquelas manchas na estrada (óleo)? Aquilo são meninos que foram atropelados porque não deram as mãos aos pais.”
Nota: ok, esta é para causar pesadelos... em compensação, parece que também assegura que ninguém atravessa a estrada sem dar a mão a um adulto.
 
  • “Se saíres de ao pé de mim, vem o papão, mata-te e faz salsichas com o teu corpo.”
Nota: bem, esta é mesmo traumatizante. Salsichas?!
 

 

Para assegurar uma alimentação saudável, rica e variada

  • “Isso não é peixe. É frango argentino.”
Nota: não se esqueça de avisar toda a família da existência desse galináceo especial, ou corre o risco de ser exposto.
 
  • “Se engolires a pastilha elástica, o teu cocó vai saltar por todo o lado dentro da sanita.”
Nota: só a imagem... de rir!
 
  • “Qual Coca-cola? Isto é água preta. Não vais gostar...”
Nota: para funcionar, nunca, mas nunca, lhe deem a provar nem um bocadinho.
 
  • “Isto não são peras, são maçãs que vieram do espaço.”
Nota: para miúdos que nunca querem experimentar nada, a ideia é acrescentar uma pitada de mistério a um alimento de que eles gostem...
 

 

Para evitar traumas e explicações mais sensíveis

  • “Aquele animal na beira da estrada? Está só a dormir porque o chão ali está muito quentinho...”
Nota: para quando achar que há tempo para explicar algo tão triste e incompreensível como a morte.
 
  • “Porquê que o peixinho do aquário está sempre a mudar de cor e tamanho? Porque é um peixe arco-íris e eles fazem isso de tempos a tempos.”
Nota: sim, está a evitar “a” conversa, mas... assim, em vez de ficarem tristes, as crianças até ficam entusiasmadas por ver que o peixe voltou a mudar de cor...
 
  • “O Mickey tem de te ligar a convidar primeiro. Não podemos pura e simplesmente aparecer na Disneylândia!”
Nota: já experimentou explicar a uma criança questões como budget reduzido e falta de disponibilidade?... Pois.
 

 

Para preservar a (sua) sanidade mental

  • “Já não se vendem as pilhas para esse brinquedo.”
Nota: acabou-se o “tinóni-tinóni-tinóni” ensurdecedor!
 
  • “A senhora que manda na Internet desliga-a todos os dias às 18h00.”
Nota: se colar, é simplesmente mais fácil do que entrar em discussões infrutíferas.
 

 

Mentiras dos pais pura e simplesmente bizarras... e até algo traumatizantes!

  • “Há um tubo que liga o umbigo ao rabiosque. Se andares a mexer muito no umbigo, acabas por desapertá-lo e o rabo cai!”
Nota: ahahahahahahah!
 
  • “O Pai Natal é gordo porque come as crianças que se portam mal.”
Nota: e depois querem que as crianças se sentem no colo do velhote no Shopping, para a fotografia...
 
  • “Deixa-me pentear essas riças no teu cabelo! Já te disse que são teias de aranha e, se não as tirarmos, as aranhas vão por ovos e depois? Depois nascem uma série de aranhinhas que se vão enfiar nos teus olhos e ouvidos!”
Nota: há pais que veem demasiados filmes de terror!


Esperamos que tenha gostado desta compilação das melhores e mais divertidas mentiras dos pais. E, lembre-se, não julgue: sabe-se lá quando vai sentir uma incrível tentação ou mesmo a urgente necessidade de usar uma delas?... Entretanto, tenha em conta que são apenas alguns exemplos para se rir um pouco. Divirta-se!


Veja também: