10 Mitos de limpeza doméstica que deve eliminar

Os mitos da limpeza doméstica estão tão instalados que é difícil acreditar que o que é verdade, afinal, é mentira. É preciso ter cuidado, pela sua saúde.

10 Mitos de limpeza doméstica que deve eliminar
A verdade e a mentira das limpezas.

Limpar a casa é uma tarefa muito importante que deve ser feito com regularidade, para evitar o caos e a acumulação de bactérias que podem ser prejudiciais à saúde. Mas há alguns mitos de limpeza doméstica que a têm feito perder tempo e dinheiro. Tome nota.

10 Mitos da limpeza doméstica a corrigir

 

1. A lixívia limpa tudo

A lixívia desinfecta mais do que limpa, sendo a uma boa opção para eliminar bactérias e manchas. No entanto, não é a melhor opção pata limpar sujidade e resíduos, para isso, vai precisar de esfregar e lavar a superfície com um produto de limpeza. É preciso algum cuidado na sua aplicação porque podem libertar alguns gases prejudicais para si e podem estragar algumas superfícies.
 

2.  Quanto mais detergente, melhor

Menos é mais! Colocar mais detergente do que o necessário na máquina de lavar, só vai fazer com que se acumule onde não deve, nomeadamente, na roupa. Aliás, detergente a mais é um dos principais motivos porque as máquinas avariam. Siga as instruções!
 

3. Detergentes naturais tão bons quanto os químicos

É verdade mas podem precisar de ser usados de forma diferente. Os detergentes naturais precisam de ficar de molho durante algum tempo para conseguir a mesma eficácia, no entanto, os resultados são os mesmos. Por exemplo, o vinagre, além de remover a gordura, é ótimo para impedir que as bactérias se instalem.
 

4. O vinagre trata tudo

No que diz respeito às limpezas, o vinagre está muito bem cotado e é um auxílio frequente para tratar manchas da roupa, limpar janelas ou tapetes, entre muitos outros usos. Mas o vinagre também é ácido e pode danificar os seus balcões de granito e mármore, o chão de pedra ou madeira e o ferro de engomar - afinal, não é boa ideia usar o vinagre para descalcificar!
 

5. Papel de jornal para limpar vidros

Quem diria que, uma folha de papel cheia de tinta, conseguiria melhores resultados do que uma imaculada folha de papel de cozinha mas é verdade. O papel de jornal não deixa marcas, é absorvente e fácil de usar.
 

6. Qualquer pano serve

Um pano de limpeza normal tem fibras feitas de algodão ou de um material sintético, como o nylon. Os panos do pó normais têm bastantes fibras mas um pano microfibras tem muito mais fibras. Os panos de microfibras conseguem apanhar até as partículas mais pequenas, mesmo as microscópicas, enquanto que os restantes panos apenas dispersam o pó.
 

7. Gelo para reparar tapetes

Parece mais um mito de limpeza doméstica mas é verdade. Se tem uma falha nos tapetes, coloque um cubo de gelo no espaço onde faltam os pelos e deixe atuar durante algum tempo. Depois, com a ajuda de um garfo, puxe as fibras e vai ver que o tapete fica como novo.
 

8.  O bicarbonato de sódio desentope canos

Se juntar a mesma medida de vinagre branco e bicarbonato de sódio, é certo que se vai livrar dos canos entupidos. Despeje a medida de uma chávena com esta mistura no cano, cubra com um pano, aguarde 10 minutos e, de seguida, lave com água muito quente. 
 

9.  Mais do que um produto, é mais eficaz

Tomar este como mais um mito de limpeza doméstica pode ser fatal! Misturar mais do que um produto, não só não é mais eficaz, como pode ser extremamente perigoso. Um produto ácido, como o vinagre, nunca pode ser misturado com produtos alcalinos, como a lixívia, tampouco a pode misturar um produto amoniacal, por exemplo. 
 

10.  Limpa móveis, sempre!

Usar, todas as semanas, um spray limpa móveis na mobília apenas vai fazer apenas uma coisa: atrair mais pó. Também aqui, seguir as instruções do fabricante é importante. Prefira limpar a mobília com um pano microfibras seco ou bem torcida em água morna e detergente para madeiras. Use os limpa móveis, em spray ou cera, apenas de vez em quando.


Veja também: