Publicidade:

Receita original de molotof: fofo, doce e irresistível

Atenção, amantes da doçura: a dica de hoje é aprender a fazer o melhor molotof de sempre. Se acha que é difícil, descubra aqui como podemos ajudar.

Receita original de molotof: fofo, doce e irresistível
Siga as nossas dicas e receita para um molotof perfeito

É consensual que o molotof não é um doce fácil de se fazer ou, pelo menos, há sempre o risco de na hora de o servir ele abater. O sabor está garantido, mas a apresentação é também importante – e para termos a certeza que consegue ser bem sucedido em ambas, reunimos 4 dicas essenciais e a receita infalível para o seu doce ser o melhor da festa.

Acrescente à receita os seus toppings favoritos – como frutos secos – para um efeito ainda mais apetecível.

4 dicas para o molotof não abater


  1. Bata muito bem as claras em castelo.
  2. Deixe as claras à temperatura ambiente.
  3. Coloque uma pitada de sal nas claras antes de as bater.
  4. Não abra a porta do forno, enquanto o molotof estiver a cozer.

Receita original de molotof


Molotof caseiro

molotof

Ingredientes
300 g de açúcar
6 claras de ovos

Modo de Preparação

  1. Numa forma de pudim, coloque 150 g de açúcar e duas colheres de água.
  2. Leve a lume brando até caramelizar.
  3. Quando ficar com um tom amarelado, está no ponto.
  4. Reserve parte desse caramelo para adicionar às claras.
  5. Bata as claras em castelo e vá acrescentando lentamente o resto do açúcar, batendo sempre.
  6. Junte o caramelo às claras, envolvendo bem.
  7. Verta o preparado na forma onde fez o caramelo e bata com a forma na bancada, para que saiam as bolhas de ar.
  8. Leve, em banho-maria, ao forno previamente aquecido a 170º, durante cerca de 10 minutos, até o topo ficar dourado.
  9. Desligue o forno e deixe a porta entreaberta, com o molotof lá dentro, por cerca de mais 20 minutos.
  10. Retire do forno e deixe arrefecer, antes de desenformar.

Conferiu todos os procedimentos necessários para o molotof perfeito? Costuma cumprir todos eles? Certamente que não e, por isso, é que algo não corre como desejado. A confeção de doces obriga a algum rigor e esta sobremesa é o melhor exemplo disso. Siga as indicações ao pormenor e verá como o seu molotof sairá perfeito!

Veja também: