Publicidade:

8 motivos para consumir mais azeite e uma receita onde o usar

Descubra, afinal, quais são os bons motivos para consumir mais azeite que ainda desconhece. E, se é fã, aprenda a fazer o delicioso pão de azeite e alecrim.

8 motivos para consumir mais azeite e uma receita onde o usar
Sabe que o azeite é um desintoxicante natural do fígado?

Já todos ouvimos dizer que o azeite é uma gordura saudável e que devemos optar por ele, ao invés do óleo, por exemplo. Mas, talvez, muitos de nós ignorem quais são as principais razões que fazem deste ingrediente um alimento fundamental para o nosso bem-estar diário. Para o informar e esclarecer tudo, enumeramos os 8 motivos para consumir mais azeite – e, já agora, para pôr este conselho em prática, ensinamos-lhe como confecionar pão de azeite e alecrim.

8 motivos para consumir mais azeite


Azeite

  1. Ajuda a prevenir o cancro, pois contém antioxidantes e outros componentes anticancerígenos, como o esqualeno e os terpenóides.
  2. Previne e trata a acne, além de acelerar o crescimento do cabelo e de fortalecer as unhas.
  3. Desintoxica o fígado, por isso recomenda-se o consumo diário de uma colher de sopa de azeite misturada com meia colher de sumo de limão.
  4. Fortalece o sistema imunitário, uma vez que é rico em ácidos gordos que regulam o sistema imunológico e fortalecem as defesas contra vírus e bactérias.
  5. Contribui para a saúde cardiovascular, porque é rico em gorduras saudáveis, como o ómega 3, que aumentam os níveis do colesterol bom.
  6. Combate a dor, dado que possui propriedades analgésicas e anti-inflamatórias.
  7. Ajuda a controlar os níveis de açúcar no sangue, pois reduz a glicose no sangue.
  8. Protege as funções cerebrais, já que é rico em polifenóis antioxidantes que conservam a memória.

Pão de azeite e alecrim

Pão

Ingredientes
600 g de farinha de trigo
30 g de fermento
250 ml de leite
125 ml de azeite
2 ovos
2 c. de sopa de açúcar
1 c. de chá de alecrim picado
1/2 c. de sopa de sal

Modo de Preparação

  1. Num recipiente grande, misture o fermento com uma colher de sopa de açúcar e mexa bem.
  2. Acrescente o azeite, os ovos ligeiramente batidos, o restante açúcar, o leite e o alecrim picado.
  3. Envolva tudo e junte 3/4 da farinha de trigo, mexendo muito bem.
  4. Coloque a massa numa mesa e trabalhe-a, fazendo movimentos para lá e para cá, durante 10 minutos, até que a massa fique mais clara.
  5. Adicione a farinha restante e continue a trabalhar a massa, soltando-a da mesa com a ajuda de uma espátula.
  6. Prolongue esse processo por 15 minutos, até a massa estar bem elástica. Aí, divida-a em duas partes, cada uma com a forma de uma bola.
  7. Cubra-as e deixe-as dobrar de volume.
  8. Polvilhe a mesa com farinha, unte-a com azeite e disponha, novamente, a massa pressionando cada bola com a palma da mão.
  9. Modele a massa, formando dois cilíndros bem compridos.
  10. Entrelace-os, criando duas tranças, e coloque-os numa assadeira untada e enfarinhada.
  11. Pincele-os com azeite e salpique com alecrim.
  12. Cubra e deixe a massa dobrar, novamente, de volume.
  13. Leve ao forno, previamente aquecido, por 20 minutos em temperatura alta, reduzindo depois até que doure.
  14. Sirva os pães, quando tiverem arrefecido.

Se ainda não usa azeite nas suas refeições diárias, comece mesmo a fazê-lo. Como viu, os benefícios para a sua saúde e para a saúde dos seus são múltiplos. Além disso, há uma grande variedade de azeites no mercado, com diferentes intensidades e paladares que deve experimentar e utilizar de acordo com a receita que está a fazer.

Sempre que ponderar escolher outra gordura que não o azeite, relembre estes 8 motivos para consumir mais azeite e, quem sabe, isso o faça mudar de ideias.

Veja também: