AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Mudar de carreira aos 40 anos

Se pensa que mudar de carreira aos 40 anos é loucura saiba que o que não faltam são histórias de sucesso. E se está mesmo decidido aqui ficam algumas dicas que o vão ajudar. 
 

Mudar de carreira aos 40 anos
Sim, é possível!

Está a pensar mudar de carreira aos 40 anos? Então saiba que não está sozinho. A ideia pode parecer loucura para alguns, mas não tem que ser um impedimento para si. Sim, os números do desemprego são assustadores e uma mudança de carreira exige sempre alguma cautela, muita reflexão e moderação, mas não é impossível.
 

6 Dicas para quem quer mudar de carreira aos (ou depois dos) 40

Ao contrário do que possa pensar, a idade não tem que ser um obstáculo para a realização profissional. Se há quem encontre emprego depois 40 e quem até decida emigrar aos 50, porque não pode também decidir mudar de carreira aos 40? Afinal nesta fase tem a sabedoria, a experiência e o conhecimento aprimorados, o que o torna capaz de empreender uma mudança tão radical como esta. Obviamente não vai ser fácil, mas as mudanças – por norma – nunca o são. Mas se depois de ponderar bem a sua decisão, analisar todos os prós e contras de uma mudança tão drásticas, refletiu sobre o assunto e está preparado para os obstáculos, não tem porque não arriscar. Ainda assim se precisa de um “empurrãozinho” aqui ficam algumas dicas que lhe vão ser muito úteis.

 

1. Assegure-se que quer mesmo a mudança

Nunca é demais frisar a importância de ponderar bem a decisão de mudar de carreira. O primeiro passo é – nada mais, nada menos – que uma análise cuidada e exaustiva dos prós e contras (em termos pessoais, profissionais e financeiros) que a mudança implica.

 
AS ÚLTIMAS NOVIDADES DE EMPREGO NO SEU EMAIL

Continue a receber artigos úteis que vão ajudá-lo a impulsionar a sua carreira ou a mudar de rumo profissional.  Seja o primeiro a saber!

2. Faça uma mudança de cada vez

Ou seja, se já está a mudar de carreira, tente evitar outras mudanças simultâneas. O ideal é que mantenha a sua vida pessoal e privada ou as suas relações familiares e de amizade o mais estáveis possível. É esta vertente mais estável que o vai ajudar a manter “os pés bem assentes no chão”, a lembar os seus valores e até a conhecer as suas competências.

 

3.Comece por si e não pelo mercado

Que é como quem diz, tente perceber exatamente o caminho que quer seguir, qual a carreira que quer para si. Só assim pode encontrar a satisfação profissional que tanto ambiciona e, certamente, desejou durante toda a sua vida profissional. De pouco lhe adianta escolher uma das profissões "que estão na moda" ou uma das empresas de topo se isso não vai preencher os seus requisitos profissionais.

 

4. Estude o mercado

Agora sim, chegou a fase de analisar o mercado de trabalho e as ofertas que disponibiliza para si, a média salarial, as perspetivas de crescimento e evolução profissional.

 

5. Aposte no networking e no marketing pessoal

Se vai mudar de carreira vai precisar de mais do que apenas um Curriculum Vitae (CV) atualizado. Vai também necessitar de uma boa rede de contactos e para isso vai ter que apostar num bom networking e numa boa estratégia de marketing pessoal. Assim não só vai poder contactar com profissionais da área que pretende seguir e conhecer todos os meandros da sua nova carreira, mas também dar-se a conhecer aos profissionais (colegas e/ou chefias) dessa mesma área.

 

6. Aprenda

Se está prestes a iniciar uma nova carreira tem que estar preparado para aprender novos processos e/ou métodos de trabalho, mas também para se familiarizar com as exigências desta nova profissão. Vai ter muito que aprender já em funções, mas pode tratar de reforçar os seus conhecimentos desde já. Invista em formações específicas que o dotem das competências necessárias. Vai ver que é um bom investimento.


 

Mudar ou não mudar de carreira aos 40?

Ninguém melhor do que você mesmo para saber se mudar de carreira aos 40 é ou não a decisão mais acertada. Como lhe dissemos antes de dar esse passo deve analisar bem as suas opções e ponderar a sua decisão. Pode ser um caminho difícil e sinuoso, mas não é impossível de completar. Quem sabe se não lhe abre as portas para o sucesso profissional


Veja também: