AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

6 estratégias para não trabalhar mais do que deve

Sugestões para não trabalhar mais do que a sua capacidade e tempo lhe permitem.

6 estratégias para não trabalhar mais do que deve
Não trabalhar mais do que consegue é condição para o seu bem-estar

A sociedade ocidental faz, de há décadas a esta parte, o culto da produtividade. Ter um trabalho exigente e bem remunerado é sinónimo de prestígio social. Mas a que preço?

Será que a sua rotina de trabalho lhe permite manter um bom nível de qualidade de vida? Saiba se está a trabalhar demasiado e fique com as nossas dicas para não trabalhar mais do que deve – em nome do seu bem-estar!


Não trabalhar mais do que consegue é essencial

Sabia que uma das tendências no mercado de trabalho é a implementação de serviços de consultoria de qualidade de vida nas empresas? Depois de décadas a sobrevalorizar o excesso de trabalho e a permanência no escritório para lá do horário de fecho da empresa, surge uma nova corrente de intervenção na gestão de talentos em todo o mundo: o aumento da qualidade de vida.

É um facto que os setores empresariais mais tradicionais ainda não estão alerta para esta questão, mas as empresas mais vanguardistas começarão a proporcionar aos seus colaboradores melhores condições de trabalho para garantir o seu envolvimento e a sua motivação para o trabalho.



Como não trabalhar mais do que a concentração permite

Estudos mostram que a grande maioria das pessoas tem, por dia, uma janela de tempo de 3 horas em que se consegue manter produtiva e concentrada. Os longos dias de trabalho levaram os funcionários das empresas a repartir o tempo de concentração ao longo de toda a jornada. Mas, na prática, em 8 horas produzem o mesmo que produziriam se estivessem 3 horas a trabalhar sem distrações e totalmente focados nas suas tarefas.

Sugestão: aproveite o período da manhã para se concentrar nas atividades que requerem criatividade. As manhãs devem ser usadas para produzir e não para receber informação, por isso não comece o seu dia a organizar a sua caixa de correio eletrónico ou a beber informação das redes sociais. Deixe essas tarefas para o início da tarde – período em que o corpo acusa o cansaço e se encontra menos ativo.



Conciliar o trabalho com outras áreas da sua vida

Trata-se de estabelecer prioridades. O que é mais importante para si: progredir na carreira ou passar tempo de qualidade com a sua família? Ganhar um bom salário ou ter tempo para os seus hobbies? Ser reconhecido no seio da empresa ou poder desfrutar de um fim de semana com os amigos? Enquanto a grande maioria das empresas não promove a fluidez dos processos de trabalho, possivelmente terá que fazer opções.
Esperamos que em breve seja possível, realmente, conciliar os diferentes papéis de vida.

Sugestão: pesquise como aumentar o work-life balance na sua vida quotidiana. Estabeleça prioridades, não disperse e foque-se naquilo que é realmente importante para si!



Não trabalhar mais do que deve é uma questão de saúde

Estão identificados os problemas que advêm do excesso de trabalho: stress, ansiedade, risco de doença cardiovascular, burnout e depressão, entre outras.

Sugestão: evite estes problemas utilizando estas estratégias simples de comunicação assertiva e gestão de expectativas.



6 estratégias para não trabalhar mais do que deve


1. Assertividade

Saiba dizer “não” quando os pedidos de colegas ou superiores excederem a sua capacidade de trabalho.



2. Gestão do tempo

Agestão do seu tempo livre é da sua inteira responsabilidade! Tenha em mente o número de horas livres que tem por semana e reflita: está a gastá-las no que o faz mais feliz?



3. Concentração

Evite distrações e concentre-se no mínimo vinte minutos seguidos em cada tarefa que estiver a realizar. Vai ver a quantidade de trabalho que fica feita num abrir e fechar de olhos!



4. Autoconhecimento

Conheça os seus limites. Saiba explicar aos outros qual é o seu ritmo de trabalho e a partir de que ponto é que deve dizer “não” às solicitações extra.



5. Pausas

Faça pelo menos um intervalo no período da manhã e outro no período da tarde. Se trabalhar ao computador, é recomendado que faça pausas de hora a hora.



6. Lista de prioridades

Aprenda a distinguir o urgente do importante. O urgente deve ser feito primeiro, o importante logo a seguir e só depois as tarefas menos importantes.

Diz-se que sozinhos chegamos mais rápido, mas em equipa chegamos mais longe. Por isso, a nossa última dica é: trabalhe em equipa! A cooperação é fundamental para não trabalhar mais do que deve sem comprometer os resultados.

Veja também: