Nome para empresa: como escolher

Como escolher um nome para empresa perfeito? Conheça as nossas cinco dicas para escolher o nome da sua empresa nova.

Nome para empresa: como escolher
5 Dicas para escolher o nome certo

Espaços Coworking para pequenas empresas e freelancers

Escolher o nome para a empresa é a primeira decisão de marketing mais importante que vai tomar. Um nome curto, que soe bem e seja de fácil leitura, ficará gravado na memória dos seus clientes. Já um nome genérico, aborrecido ou, pior, que seja difícil de entender não deixará ninguém curioso quanto ao que tem para oferecer.
Sempre que tem que ajudar as pessoas a soletrar, pronunciar ou compreender o seu nome, é como se estivesse a pedir desculpas por isso, o que desvaloriza sua marca, garante Alexandra Watkins, autora do livro "Hello, My Name is Awesome: How to Create Brand Names That Stick".
 

5 dicas para escolher um nome para empresa perfeito

 

1. Escolha um nome curto

O nome da sua empresa deve ser fácil de memorizar. Um nome longo pode ser difícil de pronunciar, logo, fácil de esquecer. Escolha um nome curto, até três sílabas ou menor, e que soe bem. Esqueça os jogos com os nomes dos sócios, assim como os nomes disponíveis em “Empresa na Hora”.
 

2. Seja criativo

Fuja a nomes que estão na moda, como “Maria Qualquer Coisa”, ou banais, como “Café Central”, nem se deixe tentar por um nome semelhante ao do seu concorrente. Procure um nome original mas que identifique, de alguma forma, o seu negócio.
 

3. Teste e teste de novo

Escreva, oiça, mostre a amigos e familiares e faça o teste do telefone. Parece estranho mas será muito útil. Peça a um amigo ou familiar que lhe ligue, quando atender diga o nome da sua empresa. Se do outro lado retribuírem com “SOP, quê?”, é sinal que não funciona.
 

3. Cuidado com as referências específicas

Se pretende que a sua empresa evolua para outros mercados, não use referências que possam limitar o seu crescimento, como regionais ou de género. Por exemplo, uma loja de roupa com um nome e logótipo muito feminino, terá dificuldade, mais tarde, em atrair o público masculino.
 

4. Cuidado com os termos em inglês

A não que se sejam expressões ou palavras muito básicas e conhecidas do público em geral ou caso faça parte do seu plano a internacionalização. Se for apenas para o público nacional, evite termos estrangeirismos.
 

5. Evite problemas legais

Encontrar um nome que não esteja protegido por direitos de autor ou que já seja uma marca ou domínio registado pode ser difícil, contudo, de nada lhe serve ter um bom nome que legalmente não poderá usar. Por isso é fundamental que faça uma pesquisa para se certificar que o nome da sua empresa já não pertence a outra. Se ainda estiver livre, registe-o.
 
Lembre-se: o nome da empresa é a sua primeira decisão de marketing, e uma das mais importantes ao criar uma empresa. Não vai querer ter um nome que pode ser alvo de chacota, criar desconforto em alguns meios ou ser difícil de pronunciar e impossível de memorizar. Considere contratar especialistas.
 
Veja também: