Porque é que o camarão fica cor de rosa quando cozinhado?

Se quer conhecer a razão científica para o camarão passar de cinzento a cor de rosa quando é cozinhado, não perca este texto.

Porque é que o camarão fica cor de rosa quando cozinhado?
A explicação científica

O camarão fica cor de rosa apenas depois de ser cozinhado; antes disso ele é de um cinzento azulado muito pouco apetecível. Esta cor deve-se ao seu exosqueleto, isto é, o esqueleto externo do camarão.

Camarão fica cor de rosa? A culpa é do caroteno

A explicação científica para a alteração da cor do camarão de cinzento para cor de rosa está relacionada com o caroteno (pigmentos responsáveis pela tonalidade rosa, ou alaranjada) chamado astaxantina.

Antes de ser cozinhado, o camarão está protegido por uma camada de cadeias proteicas denominadas de crustacianina. Estas cadeias proteicas cobrem a astaxantina, escondendo assim a cor de salmão ou cor de rosa que não se vê no camarão cru.

Durante o processo de cozedura, o calor faz com que essas cadeias sejam quebradas, o que conduz à libertação do caroteno e consequente libertação da astaxantina.

O camarão ganha, por isso, o tom rosa e apetitoso que lhe é característico. A mesma razão se aplica, por exemplo, à alteração de cor das lagostas depois de cozinhadas.

Curiosamente, é verdade quando se diz que os flamingos são cor de rosa por causa de comerem camarões. Embora os flamingos não possam cozinhas os camarões antes de os ingerirem, o facto é que o processo de digestão também liberta as cadeias proteicas, libertando o caroteno que contribui para a cor rosa tão própria das penas dos flamingos.

E para comprovar o processo científico explanado anteriormente, sugerimos está receita para ver a ciência acontecer.


Receita de camarão com esparguete

espaguete camarao

Ingredientes
200g de camarão 20/30
3 dentes de alho
Azeite
Sal q.b.
Sal picada
Esparguete

Modo de preparação

  1. Descasque o camarão ainda cru, deixando apenas a barbatana da cauda e tempere com sal.
  2. Descasque os dentes de alho, amasse-os e frite-os ligeiramente numa frigideira com um pouco de azeite.
  3. Junte os camarões e deixe saltear até que os camarões tenham ficado completamente cor-de-rosa.
  4. Coza o esparguete em água abundante com um pouco de sal.
  5. Escorra o esparguete, junte os camarões, salpique com salsa picada e sirva.
  6. Esta receita muito simples e rápida é não só saborosa, como uma excelente forma de ver a ciência acontecer mesmo à frente dos seus olhos.

Veja também: