O que fazer em Aveiro

Descubra aqui o que fazer em Aveiro e, seguindo as nossas 6 sugestões, passe um dia muito animado na Veneza de Portugal.

O que fazer em Aveiro
Muitos passeios, comida e arte, para um dia inesquecível

Se sempre desejou visitar uma das cidades mais pitorescas de Portugal, descubra aqui o que tem mesmo de fazer em Aveiro. Reconhecida pelo encanto da sua linha costeira, com praias fantásticas, e pela recorrente comparação a Veneza, devido aos seus vários canais, pontes e coloridos barcos moliceiros, esta simpática cidade é um pequeno tesouro escondido. Venha connosco conhecer 6 das suas atrações mais apelativas.
 

6 SUGESTÕES IMPERDÍVEIS EM AVEIRO

 

1. Percorrer os canais num barco moliceiro

Quando visitar Aveiro, é  inevitável fazer um passeio num barco moliceiro. A sua alcunha de Veneza portuguesa, além de derivar dos óbvios canais e pontes, deve-se também a estes coloridos barcos, frequentemente comparados às gôndolas. Os moliceiros, pintados com decorações humorísticas de cenas do quotidiano, eram originalmente usados para a apanha de moliço – atualmente são utilizados para fins turísticos, efetuando tranquilos passeios pelos canais. 

Compre já o seu bilhete: vai apaixonar-se pelo canal de São Roque, que ladeia o colorido Bairro da Beira-Mar, pelo Canal Central, com as suas fachadas Art Noveau, pelo Canal das Pirâmides, que dá acesso às salinas ou pelo Canal do Cojo, que lhe apresenta a faceta mais moderna da cidade.

 

2. Subir ao Farol da Barra

Construído entre 1885 e 1893, a força e a beleza deste farol impressionam todos os que o visitam: de um dos lados, esta construção pintada de vermelho e branco está à mercê das ondas selvagens do Oceano Atlântico, do outro está limitada pelo belo perfil da cidade. Irresistível.

Assim, uma coisa que não pode deixar de fazer em Aveiro é subir os 271 degraus do Farol da Barra, o segundo maior da Península Ibérica e um dos 26 maiores do mundo, e usufruir de uma vista absolutamente única. Acredite que vale a pena!

 

3. Provar os melhores ovos moles do mundo

Esta é uma das coisas que tem mesmo de fazer em Aveiro – a nosso ver, lar dos melhores ovos moles do mundo! 

Reza a lenda que esta deliciosa e decadente sobremesa foi criada no séc. IXX por freiras que, utilizando as claras para engomar os seus hábitos, se viram a braços com um excesso de gemas. A solução? Um fabuloso doce fabricado à base de gemas e açúcar: os famosos ovos moles de Aveiro. 
Atualmente, são vendidos envolvidos em folha de hóstia (sob a forma de peixes, búzios e outros motivos marinhos típicos da região) e dentro de barricas de madeira decoradas com imagens dos moliceiros.

Dica: para saborear uma destas delícias, sugerimos “A Barrica”, uma pastelaria certificada que vende o doce confecionado segundo a receita original.


Veja também: 6 Ideias de escapadinhas românticas

 

4. Visitar a Estação de Comboios

Mesmo que opte por outro meio de transporte, vale a pena fazer uma visita à antiga estação de comboios. 

Sendo um excelente exemplo do estilo arquitetónico conhecido como “casa portuguesa”, o edifício destaca-se sobretudo pela impressionante decoração com azulejos policromos, em tons de azul e amarelo. Estes painéis representam várias cenas tradicionais da época - a estação abriu portas em 1864, tendo a sua construção demorado 3 anos.

 

5. Cultivar-se no Museu de Arte Nova

Situado na Casa Major Pessoa, um exemplo icónico da Arte Nova, este museu faz jus ao seu nome e fornece um verdadeiro roteiro deste estilo arquitetónico em Aveiro, cidade considerada a sua capital.

Mantendo o espírito e o ambiente desta corrente artística, datada dos anos de transição para o séc. XX, encontrará ainda no piso térreo do museu uma arrebatadora casa de chá, onde poderá saborear deliciosas bebidas e uma grande variedade de doces tradicionais. 

Se é um amante de arte, não perca a oportunidade de relaxar neste encantador espaço.

 

6. Conhecer as salinas

As salinas assumem-se como um ex libris da cidade de Aveiro e um incontornável elemento do património natural e cultural, mantendo viva a tradição associada a esta atividade secular.

Sugerimos que conheça esta paisagem única, visitando a marinha da Troncalhada, transformada em Ecomuseu: aqui vai poder conhecer os fascinantes métodos de produção artesanal do sal, explorando a fauna e flora caraterísticas da zona. Inesquecíveis são as formas resultantes da recolha do sal: brilhantes pirâmides brancas que se destacam contra o azul profundo do céu.

Dica: de entre as variedades de sal que lá encontrará à venda, recomendamos que adquira o sal com piri-piri, verdadeira explosão de sabor.


E pronto, já tem as nossas sugestões sobre o que fazer em Aveiro. Prepare-se agora para conhecer uma cidade única e inspiradora que oferece vários outros roteiros e experiências interessantes a quem a visita.


Veja também: