Publicidade:

O que fazer em caso de queimadura em crianças

Café, água do banho, fogão, leite... Estes são apenas alguns exemplos de causas de queimaduras em crianças. Saiba o que fazer em caso de queimadura.

O que fazer em caso de queimadura em crianças
Conheça os cuidados a ter em casos de queimaduras em crianças

As queimaduras em crianças têm causas maioritariamente domésticas, ocorrendo sobretudo na cozinha e na casa de banho. Há várias opiniões (muitas erradas) sobre como deve reagir em caso de queimadura. Há quem aconselhe a colocar manteiga, há quem considere melhor colocar gelo ou água e ainda pomada. Mas, então, o que fazer em caso de queimadura?

No caso das crianças, a acrescentar à sua imprevisibilidade, temos o facto de as mesmas terem uma pele fina, acabando assim por estarem menos protegidas. Neste sentido, torna-se importante saber o que fazer em caso de queimadura e conhecer alguns cuidados a ter de modo a evitar queimaduras nas crianças.

3 dicas sobre o que fazer em caso de queimadura em crianças


1. Colocar área queimada debaixo de água corrente

agua

Antes de mais, deve retirar qualquer peça de roupa que esteja em cima da queimadura como, por exemplo, roupa queimada ou molhada. De seguida, o que deve fazer em caso de queimadura é colocar água corrente na área queimada, aproximadamente durante 5 minutos. Isto vai permitir descer a temperatura da pele e diminuir, assim, os danos nas células.

2. Não tocar nas bolhas e ir ao hospital

queimadura cutanea

As queimaduras podem ser de primeiro, segundo e terceiro grau, sendo que a gravidade aumenta à medida que aumenta o grau. Assim sendo, a queimadura de terceiro grau é a mais grave, uma vez que afeta a camada mais profunda da pele.

É importante saber o que fazer em caso de queimadura, sobretudo se se tratar de uma queimadura de segundo ou terceiro grau. Ir ao hospital é a medida mais prudente.

As bolhas são típicas das queimaduras de segundo e terceiro grau, mas deve evitar furá-las, pois isso vai facilitar a entrada de bactérias no organismo.

3. Queimaduras elétricas

queimadura eletrica

O que fazer em caso de queimadura elétrica? Há um cuidado importante que não deve descurar. Antes de socorrer a criança ferida, desligue o quadro elétrico. De todas as formas, sempre que se trata de uma queimadura por causa elétrica, deve dirigir-se ao hospital, para avaliar possíveis danos não visíveis.

Por outro lado, em casos de queimaduras que afetem áreas grandes ou que atinjam o rosto, mãos e região genital, o recomendável é que também se dirija ao hospital.

7 cuidados a ter para evitar queimaduras em crianças


Todos sabemos que as crianças são imprevisíveis, ainda assim há cuidados que podemos ter de modo a tentar contornar eventuais acidentes.

1. Mantenha bebidas ou líquidos quentes, como sopas ou café, afastadas das beiras das mesas ou outras superfícies;

2. Evite que as crianças corram em espaços públicos de restauração, como cafés;

3. Caso tenha uma lareira, não se esqueça de proteger a mesma com uma grelha;

4. Quando estiver a cozinhar, vire as pegas dos tachos e das frigideiras para a parede;

5. Evite ter bebidas quentes na mão e uma criança ao colo ao mesmo tempo;

6. Proteja as fichas da eletricidade;

7. Tenha atenção à temperatura da água do banho das crianças. Uma solução passa por juntar primeiro a água fria e só depois adicionar a água quente.

Aposte na prevenção e informe as crianças para os diversos perigos e consequências.

Veja também: