O que leva um reformado a contrair um crédito pessoal?

O que leva, afinal, um reformado a pedir um crédito pessoal? Numa altura em que a vida já devia ter estabilizado, a verdade é que o pedido de crédito pessoal por parte dos reformados tem sido crescente.

O que leva um reformado a contrair um crédito pessoal?
O crédito pessoal é um dos créditos mais acessíveis a reformados
  • O crédito pessoal tem sido cada vez mais procurado por reformados. Este fenómeno tem várias explicações.

Em época de crise mudam-se os hábitos, muda-se o panorama social e crescem os pedidos de crédito, nomeadamente de crédito pessoal. No fundo, existem inúmeras coisas que podem sofrer alterações e acabamos por ser supreendidos por situações nunca antes vividas. Pensar que os reformados já representam 19% da população sobreendividada em Portugal, é perceber que também eles têm recorrido de forma crescente ao crédito pessoal.

 

Porque é que os reformados recorrem ao crédito pessoal?

A reforma deveria significar alguma estabilidade, alguma paz e, quiçá, o melhor tempo de vida para aproveitar a família e investir no que mais se gosta de fazer. Com uma crise instalada há vários anos, o panorama social empurrou esta faixa etária para uma situação de estrangulamento financeiro. 

No primeiro semestre deste ano, um em cada dez reformados encontrava-se sobreendividado, o que faz questionar o porquê dos trabalhadores na idade da reforma estarem a subscrever créditos pessoais de forma significativa.

 

Saiba quais os principais factores que levam um reformado a contrair um crédito pessoal

Numa altura em que a crise se assume como um marco transvessal a todas as faixas etárias e classes sociais, também os reformados sofrem com tudo aquilo que tem sido retirado como direito. Conheça os dois principais factores que levam um reformado a contrair um crédito pessoal:

1. Ajuda aos filhos: muitos dos reformados estão hoje em dia a ajudar os filhos. O desemprego e as reduções salariais fizeram com que a população activa perdesse poder de compra e entrasse em incumprimento. O crédito pessoal é muitas vezes uma solução para ajudar a família a cumprir as obrigações.

2. Corte nas pensões: o constante corte nas pensões também contribuiu para que os reformados tenham perdido poder de compra. Este factor pode dar origem a pedidos de crédito pessoal.

 

 

Também lhe pode interessar: