AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Onde há mais emprego?

Quer saber onde há mais emprego? Um estudo mostra que, entre 2007 e 2014, 63% dos novos empregos foram criados por pequenos negócios e startups.

Onde há mais emprego?
As empresas jovens e de pequena dimensão são as que mais criam postos de trabalho

Anda à procura de emprego e quer saber onde poderá encontrar mais facilmente? A resposta não é fácil, mas a análise dos últimos anos pode mostrar-lhe por onde começar.

Segundo as conclusões do documento da Informa D&B - "Onde Nasce o Novo Emprego" são as empresas até cinco anos e de pequena dimensão as que mais criaram emprego nos últimos anos. Mostra também quais os setores que mais contrataram nestes anos.
 

Onde há mais emprego? Nas Indústrias Transformadoras e nos Serviços

As Indústrias Transformadoras e os Serviços foram responsáveis por quase metade da criação de emprego no ano de 2014.

Onde há mais emprego? Além destas áreas, 80% dos postos de trabalho novos criados estão concentrados nos setores da Construção, Retalho, Alojamento e Restauração. Dentro das Indústrias Transformadoras, houve uma área com maior volume de emprego criado: o vestuário.



Onde há mais emprego? No Norte!

O mesmo estudo mostra que, em termos regionais, foi no Norte do país que mais emprego foi gerado entre 2007 e 2014. A região de Lisboa surge na segunda posição.
 


Onde há mais emprego? Empresas jovens e de pequena dimensão

Este estudo mostra o perfil das empresas criadoras de novos postos de trabalho no nosso país. E, surpreendentemente, não são as grandes empresas as que criam mais oportunidades de trabalho. Praticamente metade das vagas nasceu das empresas mais recentes.

As empresas jovens, muitas vezes startups, e as de pequena dimensão foram as que originaram mais emprego entre 2007 e 2014 – cerca de 46%. As startups, até um ano, foram responsáveis pela criação de 18% do emprego. E as empresas jovens, entre um e cinco anos, por 28%.

Por outro lado, 63% dos postos de trabalho criados nesse período partiram de empresas com menos de 50 funcionários, enquanto as grandes empresas (com mais de 250 empregados) criaram 20% do emprego, e as companhias de média dimensão criaram 17% das oportunidades.

Segundo a Informa D&B, as companhias de menor dimensão são, em muitos casos, também empresas jovens, constituindo 98% do tecido empresarial do país.

Por isso já sabe, a manter-se esta tendência esteja atento às pequenas empresas e startups à sua volta. Quem sabe não estará aí a sua próxima oportunidade profissional!
 
Dois minutos chegam para concorrer ao emprego dos seus sonhos >> Veja também: