Publicidade:

Como praticar a parentalidade consciente?

O que é a parentalidade consciente? Como colocar em prática? Confira as nossas dicas sobre este tema tão atual e não descuide da educação dos mais pequenos.

Como praticar a parentalidade consciente?
Conheça melhor este conceito

Nos dias que correm, há muita pressão exercida sobre os pais, que manifestam dúvidas de como agir para atingir o que se chama de parentalidade consciente.

Contudo, o segredo é que, na verdade, não existem segredos! Os pais não devem, na realidade, ser demasiadamente exigentes consigo mesmos, nem comparar as suas atitudes com as dos outros pais – uma vez que cada família é um microcosmos específico e cada filho é um ser humano com as suas características próprias.

Ou seja, não existe uma receita mágica para alcançar a parentalidade consciente, que consiste, no fundo, numa atitude de autoaceitação, trazendo consigo uma perspetiva renovada do que é ser pai ou mãe, que vão aprendendo, no seu quotidiano, a gerir a educação dos seus filhos da forma que acharem mais correta.

Neste contexto, é importante referir que os pais não devem julgar a atitude de outros pais, porque esta caminhada diz respeito apenas a cada família e cada decisão deve ser respeitada sem juízos de valor ou críticas exacerbadas. O que não funciona numa família pode, de facto, funcionar noutra. Contudo, há algumas dicas que lhe deixamos e que poderão funcionar como uma orientação, adaptando sempre, como referido anteriormente, à sua situação particular.

Parentalidade consciente: 4 dicas


parentalidade consienteFonte: Unsplash/Edward Cisneros

1. Faça das suas atitudes exemplo do que transmite

Quando pretende transmitir valores ao seu filho, comece por dar o exemplo das suas próprias ações. As crianças começam por funcionar muito por mimese – ou seja, pela imitação e representação daquilo que vê e ouve. Assim, se, como pai, disser uma coisa e agir de outra forma, não estará a ser coerente – nem poderá exigir mais do seu filho.

2. Interesse-se pelo que aconteceu durante o dia

Ter uma conversa diária descontraída com o seu filho sobre o que lhe aconteceu na escola e nas atividades que decorreram ao longo do dia mostra interesse da sua parte e fá-lo-á sentir que pode contar sempre com o seu apoio e diálogo. Os filhos gostam, efetivamente, de sentir que os pais se importam verdadeiramente com eles.

3. Promova a utilização de menos tecnologia em casa

Hoje em dia, a tecnologia é uma forma fácil de os pais entreterem os filhos no meio do caos de tarefas que têm de fazer quando chegam à casa – sejam elas domésticas ou de preparação para a jornada de trabalho do dia seguinte. Contudo, é importante que sejam criados espaços para a família partilhar atividades de lazer e para conversar, sem recurso a qualquer tecnologia.

4. Leia um livro em conjunto com o seu filho

No contexto da parentalidade consciente, criar momentos de leitura com o seu filho, é fundamental para criar estes hábitos tão saudáveis. A leitura estimula a imaginação, a criação de valores, a criatividade, o aumento de vocabulário e a assimilação de estruturas sintáticas e semânticas corretas.

Estas são apenas algumas dicas que lhe deixamos sobre parentalidade consiente. Não se esqueça de que o mais importante de tudo é estar sempre atento ao seu filho e presente na sua vida quotidiana.

Veja também:

Catarina Mesquita Catarina Mesquita

Licenciada em Línguas e Literaturas Modernas, variante de Estudos Portugueses e Ingleses, Pós-Graduada em Linguística Portuguesa e Mestre em Estudos Portugueses Multidisciplinares, possui experiência de mais de quinze anos ao serviço da educação, da tradução e da escrita.