AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Perguntas comportamentais em entrevista: 5 dicas

As perguntas comportamentais em entrevista tornaram-se uma realidade comum para quem procura emprego.

Perguntas comportamentais em entrevista: 5 dicas
Prepare-se!

Enriqueça o seu CV e aumente as hipóteses de ser contratadoSaiba como
As empresas recorrem, cada vez mais, a este método de recrutamento. Aos candidatos compete estarem preparados.

A conversa frente a frente tem sido e continua a ser um instrumento privilegiado para quem recruta. Actualmente, aqueles que a usam com mais eficiência, adoptaram as perguntas comportamentais em entrevista para obter os melhores resultados. Saber como responder é, por isso, fundamental para os candidatos. Pode significar a diferença entre ser o escolhido ou não.

Neste modelo de entrevista, o destaque está nas competências. Assim, o recrutador define as aptidões a avaliar e coloca questões que lhe permitirão concluir se os candidatos as possuem. As perguntas referem-se a situações vividas pelos avaliados, ou seja, comportamentos do passado. Interessa saber como lidou com o sucedido e não como, hipoteticamente, lidaria.

Na prática terá de estar pronto para responder com exemplos do seu percurso profissional. A experiência anterior, noutros cargos, será a sua mais-valia para determinar se está apto para as exercer as funções em causa. Não sabe o que esperar? Não entre em pânico. Vamos ajudá-lo.


5 dicas para preparar as perguntas comportamentais em entrevista


1. Estudar o currículo

Olhe para o seu percurso profissional com olhos de ver! Pense na sua experiência, nos projectos que desenvolveu, nos feitos que alcançou, sobretudo naqueles que podem atestar as suas competências para a vaga em questão. Assim, poderá responder com exemplos concretos quando questionado sobre situações específicas.



2. Fazer uma lista

Seja organizado. Agrupe as ‘suas histórias profissionais’ de acordo com as aptidões que pretende evidenciar. As perguntas comportamentais que o recrutador lhe vai colocar podem, quase sempre, ser incluídas em áreas temáticas. Se tiver uma ou mais situações para cada tema, será muito mais fácil preparar-se para a entrevista. Estes são os mais frequentes:
 
  • Trabalhar em equipa
Importa demonstrar como superou situações mais complicadas de trabalho em equipa: feitios conflituosos, contratempos, conflitos. Terá de responder a questões como, por exemplo: Fale-nos de um projecto em que teve de trabalhar com um colega com uma personalidade oposta à sua.
 
  • Capacidade de adaptação
A oportunidade perfeita para mostrar como lida com o imprevisto, como dá a volta à situação. Mesmo que o resultado não seja o desejado, poderá utilizar o seu exemplo para pôr em evidência aquilo que aprendeu com os erros ou os insucessos. Conte-nos uma situação de grande stress profissional e a forma como a ultrapassou.
 
  • Gestão de tempo
Os recrutadores querem sempre saber como organiza a sua agenda. Múltiplas tarefas, prazos para cumprir, imprevistos para resolver e resultados garantidos. Prepare-se para falar de uma experiência anterior onde teve de dar provas da sua habilidade como multitask e contar como lidou com isso.
 
  • Capacidade comunicativa
Todos comunicamos diariamente mas profissionalmente há aspectos a considerar quando se está a contratar. A forma como transmite à sua equipa um projecto novo ou uma ideia, as apresentações visuais e/ou escritas que faz aos seus colaboradores, entre outros, devem estar bem identificadas.



3. Utilizar a técnica STAR

Para muitos entendidos, é a técnica para responder às perguntas comportamentais em entrevista com maior sucesso. Em que consiste? Trata-se de um acrónico: Situação, Tarefa, Acção e Resultado. Na prática, quando elaborar a sua resposta, esta deve referir uma situação, a tarefa pretendida, a acção desenvolvida e o resultado obtido.



4. Pesquisar a empresa

Como em qualquer entrevista de emprego, faça o seu trabalho de casa e informe-se sobre a empresa que está a contratar. Recorra a diferentes fontes de informação: site, imprensa, redes sociais, colegas. Procure conhecer um pouco melhor a instituição, os seus valores. Será uma boa ajuda para enquadrar os seus exemplos na filosofia da empresa.



5. Motivação

Confie em si e nas suas competências. Não há respostas certas ou erradas, apenas mais ou menos adequadas ao que é procurado. Por isso mesmo, esteja calmo e relaxado. Mostre-se interessado na vaga. Tenha sempre exemplos para contrapor ao que for questionado. Passará a imagem de um candidato seguro e preparado para assumir o cargo.
Faça mais pelo seu Curriculum e concorra ao emprego dos seus sonhos >>
Veja também: