AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

“Porque devemos contratá-lo?”

Veja como preparar a reposta certeira para a pergunta “porque devemos contratá-lo?”. Damos 6 dicas úteis.

“Porque devemos contratá-lo?”
Sabe como responder?

Porque devemos contratá-lo?

Há perguntas inevitáveis numa entrevista de emprego e esta é uma delas. Se é um daqueles candidatos que fica sempre sem saber o que dizer quando lhe perguntam “Porque devemos contratá-lo?” este artigo é para si.

Conheça algumas dicas que o podem ajudar.

O que dizer?

A resposta certa depende sempre de vários fatores, mas não pense que tudo nesta pergunta é mau ou traiçoeiro. Nada disso. Se um recrutador lhe pergunta diretamente “Porque devemos contratá-lo?” está a dar-lhe uma "oportunidade de ouro" e a dar-lhe a hipótese de mostrar o que faz de si o candidato ideal para a posição a que se está a candidatar.

Veja como dar uma resposta infalível.

1. Prepare-se

O segredo aqui passa pela preparação prévia da sua resposta. E por preparação entenda-se toda a pesquisa prévia necessária sobre a empresa e a especificações da oferta a que se está a candidatar. A par disso analise quais as suas experiências profissionais que possam ter maior relevância para a vaga em questão. A sua resposta será tanto mais forte quanto melhor for o seu marketing pessoal, por isso deixe claro de que forma as suas competências profissionais e a sua experiência podem ser uma mais-valia para a empresa.


2. Faça referência às funções a que se está a candidatar

Se fez o “trabalho de casa” não será assim tão difícil. No fundo a ideia é que quando o seu recrutador disser: “Porque devemos contratá-lo?” esteja preparado para mostrar que pode dar resposta aos requisitos listados na oferta (ou até completá-los com algumas competências adicionais).


3. Foque-se no valor que pode dar à empresa (e não o contrário)

Lembre-se que está na entrevista para mostrar que é o candidato ideal e que é a resposta para os “problemas” do seu recrutador. Essa deve ser a sua linha orientadora. A ideia é que identifique os seus pontos mais fortes e as competências que podem ter um valor acrescido para a empresa.


4. Evite comparações com outros colegas ou candidatos

Não, comparar-se aos seus colegas não faz de si o melhor candidato. Mesmo que por momentos lhe pareça uma boa solução, esqueça e evite cair nesse erro. Está na entrevista para “vender” o seu valor enquanto profissional. Opte por evidenciar de que forma as suas experiências anteriores lhe permitiram aprender e evoluir profissionalmente e quais as mais-valias que pode dar á empresa e/ou à posição em questão. 


5. Evite frases feitas ou clichés

É normal que se sinta tentado a dizer coisas como: “porque sou esforçado”, “trabalho bem em equipa” ou “procuro um novo desafio” mas isso não chega. Aliás não serve. Estes são argumentos vagos e o seu recrutador quer saber algo mais concreto.


6. Dê uma resposta estruturada

O que fez e o que pode fazer. Ou dito de outra maneira, de que forma as suas experiências o vão ser benéficas para as suas futuras funções. Esta é uma boa forma de estruturar a sua resposta à pergunta “Porque devemos contratá-lo?”. Ao seguir esta lógica vai dar informações práticas ao seu recrutador do seu perfil e potencial.


Resposta na ponta da língua

O seu sucesso na entrevista de emprego pode depender da sua resposta à pergunta “Porque devemos contratá-lo?”. Para garantir que não se “engasga” nada melhor que preparar a sua resposta. Pode não ser o escolhido, mas pelo menos faz boa figura.


Veja também: