Publicidade:

Preenchimento com ácido hialurónico: tudo o que quer saber

Se está a ponderar um preenchimento com ácido hialurónico, chegou ao sítio certo. Descubra o que é, como atua e quem pode fazer este procedimento.

Preenchimento com ácido hialurónico: tudo o que quer saber
Descubra como pode beneficiar a sua pele com este tratamento

Com o passar dos anos, vamos diminuindo a produção natural de ácido hialurónico e, consequentemente, há a perda de firmeza da pele, tornando-a mais flácida e susceptível ao aparecimento de rugas. Assim, tornou-se popular a utilização do preenchimento com ácido hialurónico sintético, para disfarçar e prevenir o aparecimento de rugas – uma solução não invasiva e com resultados igualmente satisfatórios.

Saiba neste artigo o que é o ácido hialurónico, como é usado e quem pode fazer o preenchimento.

Preenchimento com ácido hialurónico: guia completo


acido hialuronico

Ácido hialurónico: o que é

O ácido hialurónico é uma sustância produzida pelo nosso organismo que ajuda a reter a água na pele, atuando como responsável pela hidratação e conferindo volume natural à tez. Com o passar dos anos, esta produção diminui, resultando na perda de volume facial e no aparecimento de rugas.

O preenchimento com ácido hialurónico é utilizado para suavizar sulcos, rugas profundas e repor o volume e contorno nas áreas com mais sinais do tempo – tal como as maçãs do rosto, os lábios (contorno e volume), o sulco nasogeniano (entre o nariz e a boca), as olheiras e o volume geral da face.

Os resultados são imediatos: uma pele mais firme e rugas disfarçadas de forma instantânea.  Uma vez que é uma substância que o nosso organismo já produz, é naturalmente absorvido. A efeito dura em média 6 meses, dependendo da profundidade da ruga tratada.

Tipos de ácido hialurónico

O ácido hialurónico varia de acordo com a sua origem. É produzido de forma sintética e pode ser animal (com origem na crista do galo) ou não animal – biossintetizado. O tipo mais comumente aplicado e do qual se verificam menos risco de alergia para os pacientes é o não animal, produzido por biotecnologia.

Há ainda densidades diferentes de ácido hialurónico, tendo em conta a densidade das rugas tratadas: mais denso para rugas mais profundas, menos densos para rugas superficiais. Todos os tipos estão aprovados pelo INFARMED para aplicação cosmética.

Utilizações do ácido hialurónico

Com o aparecimento dos primeiros sinais do tempo – as primeiras rugas – e quando os tratamentos cirúrgicos invasivos não são ainda opção, o ácido hialurónico é a solução a ter em conta para um efeito rejuvenescedor imediato. É ainda uma opção no que toca à prevenção anti-envelhecimento.

Mais uma vez,  visto que é uma substância que o nosso organismo produz e absorve naturalmente, não foram registadas nenhumas contra-indicações a curto, médio ou a longo prazo.

Procedimento

É administrado um anestésico em creme ou anestesia semelhante à utilizada no dentista. De seguida, são dadas múltiplas picadas, com uma agulha muito fina, na zona da aplicação.

A zona onde foi aplicado é massajada de forma a distribuir uniformemente o produto. No total, o procedimento demora cerca de 15 a 30 minutos, dependendo da área de intervenção.

Após a intervenção, deve fazer-se a aplicação local de gelo e, caso a zona tratada fique negra, deve aplicar-se um creme à base de arnica. Os resultados finais estabilizam após uma semana.

Quem pode fazer?

Os profissionais habilitados para fazer este tipo de tratamento são, única e exclusivamente dermatologistas e cirurgiões plásticos ou médicos dedicados à medicina estética. Este é um dos fatores realmente a ter em conta pois trata-se da sua aparência mas, sobretudo, da sua saúde, que só deve ser entregue a profissionais especializados.

Custo da aplicação de ácido hialurónico

Os preços da aplicação de ácido hialurónico injetável variam entre os 200 € e os 600 €. Suspeite de valores mais baixos ou de grandes promoções, pois estes valores, apesar de indicativos, têm em conta o custo da substância e da aplicação por profissionais devidamente creditados, em instalações com a higiene e segurança que um procedimento requer. Lembre-se que este tratamento se destina à sua pele, à sua cara e que não há margem para erros e inseguranças. Um verdadeiro exemplo de que o barato pode sair-lhe muito caro.

O preenchimento com ácido hialurónico é uma solução segura para a atenuação de rugas, imperfeições, hidratação da pele e claro, prevenção anti-idade. Esclarecida sobre o que é,  já pode recorrer à Medicina Estética para um verdadeiro boost à sua auto-estima.

Veja também: