Dicas e programas de inglês para o ensino profissional

Quer ser professor de inglês ou melhorar as suas capacidades na área? Conheça as nossas dicas e seleção de programas de inglês para o ensino profissional.

Dicas e programas de inglês para o ensino profissional
O segredo de um bom professor está em nunca parar de aprender

É professor de inglês? Com a ajuda deste artigo, e das nossas dicas e programas de inglês para o ensino profissional, pode dar um passo à frente na sua carreira. Temos 4 super orientações para ser um bom professor e 2 ferramentas essenciais que vão ser uma ajuda extra na hora de planear as suas aulas.

Se tem experiência a dar aulas de inglês, ou se se quer iniciar no ensino desta língua, existem alguns segredos que precisa conhecer para tornar-se num profissional bem sucedido. Há inúmeros recursos que podem ajudar quem está nesta área e aqui vai encontrar algumas sugestões gratuitas e disponíveis online. Descubra vídeos, cursos, técnicas exclusivas e programas de inglês para o ensino profissional.

Como ser um bom professor de inglês

Para ser um bom profissional no ensino do inglês, não basta apenas estar diante dos alunos e seguir um manual didático. Também não chega ser fluente na língua, porque hoje sabe-se que o sucesso na aprendizagem exige muitas outras características e aptidões de um professor.

4 dicas para ser um bom professor de inglês

1. Dê prioridade ao aluno

Os alunos precisam de ser estimulados para a aprendizagem. A principal função de um professor é ensinar, mas é possível fazer com que isso seja mais eficaz se o professor tiver em conta a empatia que estabelece na sala de aula.

Os alunos adoram aulas divertidas, professores engraçados, atividades fora do ambiente habitual, e tudo o que puder tornar mais dinâmico o ensino. Não hesite e arrisque. O mais importante é fazer com que compreendam que este tipo de programa pedagógico só funciona quando é visto como um complemento ao motivo principal de existir a aula: a aprendizagem.

2. Nunca pare de estudar

Há uma regra essencial a ter em conta: o professor nunca deve deixar de ser um estudante. A língua inglesa nunca pode ser vista como um conhecimento adquirido e finalizado, e o professor tem de estar atualizado – quer nas metodologias, quer nos recursos que utiliza e nas ferramentas de que faz uso para melhorar as suas competências e garantir que o aluno está bem servido.

Lembre-se: a cultura está sempre em mutação, por isso mesmo a língua deve sempre ser acompanhada com regularidade.

3. Incentive o aluno a falar

Existem 4 habilidades que devem ser treinadas enquanto se ensina – e aprende – inglês. São elas: compreensão oral, leitura, escrita e fala. Os bons professores têm como um dos seus principais objetivos o estímulo à conversação. É ela que vai garantir o sucesso da pronúncia e a fluência no idioma. É papel do professor medir e avaliar os progressos dos seus alunos – e isso exige também a correção da fala durante o processo.

4. Dedique tempo ao planeamento

Nenhuma das dicas anteriores vai funcionar se não houver por trás algo muito importante: o planeamento das aulas. Lembre-se: as turmas têm sempre características diferentes e os objetivos podem ser diversos.

A dedicação do professor ao planear as aulas é um excelente indicativo do sucesso obtido ao ensinar.  Nenhuma das suas técnicas poderá ser eficaz se não compreender que traçar estratégias é essencial para obter bons resultados com os alunos.

Fazer um curso para ser professor?

Sim. Planear aulas, construir estratégias e dominar a arte do ensino não são tarefas que se façam da noite para o dia e, por isso mesmo, existem cursos especializados para este efeito – presenciais e online. Através dos programas de formação e desenvolvimento profissional, o professor tem acesso a tudo o que precisa para garantir a qualidade do seu trabalho e satisfazer as suas necessidades. Este tipo de curso pode ajudar a:

  • Conhecer e compreender os diferentes contextos em que os estudantes aprendem Inglês;
  • Adquirir técnicas para que o ensino seja bem sucedido;
  • Assimilar a prática e os conceitos que envolvem o processo de aprendizagem;
  • Conhecer materiais e recursos adequados ao ensino e à avaliação;
  • Aprender a reconhecer e identificar boas oportunidades de desenvolvimento profissional.

Teaching English: global home for teachers

Se é professor de Inglês, ou se está a pensar nesta carreira profissional, precisa conhecer uma ferramenta online que vai mudar a forma como vê o ensino. Nela, vai encontrar incontáveis recursos didáticos, exemplos de planificações de aulas e ideias de atividades – tudo isso criado e concebido para tornar o ensino do inglês numa tarefa de sucesso para todos.

Teaching English: global home for teachers é o nome que deve procurar na internet – e a boa notícia é que os conteúdos são gratuitos. Tome nota das vantagens:

  • Pode fazer download de programas para as suas  aulas, bem como de materiais para utilizar em sala de aula;
  • Tem acesso a informações, dicas e artigos para manter uma formação profissional contínua;
  • Fica a saber mais sobre certificações e congressos;
  • Pode fazer parte de grupos de discussão;
  • Encontra materiais de formação.

Veja também:

Os mais vistos