Quando solicitar um crédito?

Há pequenos factores que podem indiciar ser uma boa altura para solicitar aquele empréstimo de que está a precisar. A publicidade dos bancos pode ser uma delas.

Quando solicitar um crédito?
Há determinadas alturas em que solicitar um crédito pode ser mais vantajoso. Saiba quando.

Basta estar atento aos anúncios: o momento indicado para solicitar um crédito é quando os bancos têm excesso de liquidez, pois nestas alturas vêem-se forçados a colocar rapidamente no mercado uma parte do dinheiro que dispõem. Contudo, a maior parte dos consumidores desconhece esta informação, pois não é do domínio público.
Normalmente, esta situação ocorre quando a imprensa está cheia de anúncios publicitários com produtos financeiros oferecidos pelos bancos.

 

O que considerar antes de pedir um crédito:

Antes de decidir solicitar um crédito, devemos ter em conta os prós e contras de um empréstimo, já que dependendo de variáveis como a duração e as condições, o recurso ao crédito envolverá outros custos.


Actualmente, existe uma ampla gama de créditos: 

  • com prazos alargados, 
  • instantâneos;
  • virtuais (pedido online, através da internet). 

 

Quem necessita de comprar uma casa, um carro ou uma viagem recorre a maior parte das vezes a este produto financeiro, pois para muitas pessoas, de outra forma não seria possível satisfazer tais necessidades.


Escolha bem a institiuição

É importante conhecer bem o banco ou a instituição financeira à qual se recorre para solicitar um crédito, preferencialmente que exista uma relação de confiança para facilitar a comparação e o processo de selecção da empresa de crédito. Por outro lado, é fundamental saber muito bem que tipo de crédito pretendemos pedir, atendendo às nossas necessidades.


A crise como oportunidade

Em períodos de situações de crise económica normalmente as pessoas tendem a pensar que é mais difícil obter um empréstimo. No entanto nestas alturas também podem encontrar boas oportunidades, não devendo descartar a possibilidade de as aproveitar, pois ainda há boas fontes de crédito e de financiamento.



Veja também: