Quanto custa registar uma marca?

Saiba quanto custa registar uma marca e mantenha todas as suas finanças sob controlo.

Quanto custa registar uma marca?
Saiba quanto terá que pagar

Espaços coworking para pequenas empresas e freelancersTem uma ideia excelente para o seu negócio, já tem um plano de negócios à prova de bala e só falta saber uma coisa antes de criar emprego em Portugal: quanto custa registar uma marca?

Antes de se destacar no mercado há várias coisas que precisa de saber acerca de marcas. A primeira é que há várias marcas que não podem ser registadas pelas mais variadas razões, desde enganar o consumidor até a não terem capacidade de se distinguirem. Antes de avançar com a sua marca vale a pena fazer o trabalho de casa.

 

Qual o custo de registo da sua marca?

Para saber quanto custa registar uma marca tem primeiro de saber como pretende fazer o seu registo: ou online ou em papel. No caso de o querer fazer em papel, será o dobro do custo.

O registo de marcas é regulado pelo INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). No seu website é sempre possível ver as tabelas de taxas atualizadas, tendo em conta que o custo de registo pode ter alterações.

Este ano já não precisa de pesquisar mais quanto custa registar uma marca. Se o fizer online o custo é de 123,18 euros, e se o fizer em papel custa 246,35 euros. Este custo inclui o exame e a publicação válida para apenas uma classe. Por classe adicional, são 31,22 euros online, e 62,45 em papel.

As classes de produtos e serviços com maior procura em Portugal podem utilizar o serviço “marca na hora” que permite obter  a propriedade de uma marca registada sem demoras, ideal para quem não tem tempo a perder. Exemplos destas classes com maior procura são: vestuário e calçado (classe 25), e restauração e alojamento (classe 43).

Este serviço custa 200 euros por uma classe, com um acréscimo de 44 por cada classe adicional.
 

Como registar a sua marca?

Depois de saber qual o custo de registar uma marca e de ter o dinheiro pronto a ser gasto, precisa de utilizar o website do INPI, fazendo o pedido online e pagando a taxa associada. Para o caso de não gostar de  gastar dinheiro online, basta imprimir e preencher o formulário adequado. Este deve ser entregue nos serviços do INPI.

O serviço “marca na hora” pode ser feito nos balcões de atendimento “Empresa na Hora”, tendo os custos acima referidos. Ambos os registos devem ser acompanhados de documentos relativos à sua identificação, e à dos produtos ou serviços.

Antes de fazer o registo da sua marca, é boa ideia não só pesquisar quanto custa registar uma marca, mas também se há alguma marca já registada parecida com a que tem em mente, sendo isto possível no website do INPI. Caso não o faça pode acabar por comprometer todos os seus planos.
 

Subscreva a nossa Newsletter para receber dicas sobre futuros negócios de sucesso


Veja também: