Quarto de hotel? Cuidado com os germes deste objetos!

Pense duas vezes antes de usar estes 5 objetos no quarto de hotel onde vai ficar. Nem sempre o que parece limpo, está realmente limpo.

Quarto de hotel? Cuidado com os germes deste objetos!
Podem não estar verdadeiramente limpos!

Seja em trabalho ou em lazer, quando entramos num quarto de hotel tudo está limpo e cheira a limpo, logo, tudo foi limpo. No entanto, as aparências iludem e a limpeza do seu quarto pode ser apenas aparente. Fique a saber quais os objetos mais sujos que pode encontrar num quarto de hotel.

Quarto de hotel: 5 objetos a evitar

1. Comando de televisão

comando

Este deve ser o objeto mais sujo de qualquer quarto de hotel. Foi usado por todos os hóspedes que passaram por esse quarto e quase nunca é limpo pelos funcionários. E se pensarmos que nem todos lavaram as mãos depois de irem à casa de banho, esta afirmação de objeto mais sujo torna-se óbvia. Já ouviu falar da bactéria E. Coli? Tenha cuidado!

A solução será arranjar um saco plástico ou um bocadinho de película aderente para envolver o comando, criando desta forma uma barreira, e, assim, já poderá manuseá-lo sem receios.

2. Telefone

telefone

Este não é surpresa para ninguém! Os telefones dos quartos de hotéis são verdadeiros depósitos de micro-organismos por estarem demasiado perto da boca e da pele de quem os usa. No caso de não serem limpos corretamente e desinfetados, a proximidade com os micro-organismos poderá originar infeções respiratórias ou cutâneas.

Quer uma solução? Nunca, mas nunca, use o telefone do quarto de hotel.

3. Copos na casa de banho

copo

Utilizar os copos, mesmo que apenas os use para a sua escova de dentes, não é uma boa ideia. Alguns gestores de hotéis “confessaram” que alguns funcionários de limpeza apenas passam os copos por água no lavatório da casa de banho do quarto.

Para ultrapassar este problema, beba água da sua garrafa e use copos descartáveis.

4. Cobertores e edredons

hotel

Lençóis e toalhas são lavados diariamente, com estes não tem que se preocupar a não ser que quem venha fazer a cama atire as almofadas para o chão. Pode sempre pedir novas fronhas para as almofadas. Mas ao contrário destes itens, os cobertores e edredons nem sempre são lavados de hóspede para hóspedes. Este facto transforma estes objetos em potenciais focos de contágio por micro-organismos.

Se não puder levar o seu cobertor ou edredon, tente informar-se com outros clientes sobre os procedimentos do hotel nestas questões.

5. Balcão da casa de banho

lavatório

O balcão da casa de banho e as torneiras do lavatório podem ser limpos com o mesmo pano usado para limpar a sanita, transferindo assim micro-organismos que podem originar infeções gastrointestinais. Muitas vezes, estes panos, também são utilizados de um quarto para outro.

Antes de pousar seja o que for no balcão da casa de banho, passe uma toalhita desinfetante ou papel higiénico embebido em álcool.

Veja também: