Que apoios ao empreendedorismo jovem existem?

Há vários apoios ao empreendedorismo jovem, para que os jovens possam tirar partido das suas capacidades, de modo a terem sucesso a nível profissional

Que apoios ao empreendedorismo jovem existem?
Saiba quais são.

Com o desemprego ainda acima daquilo que seria o desejável, é preciso apoiar os jovens no que toca ao emprego para que estes possam vir a ter sucesso a nível profissional. Seja para criar um negócio, seja para ter algum apoio na demanda de uma carreira, existem alguns apoios ao empreendedorismo jovem que estão aqui para ajudar.

Poderá encontrar mais informação acerca de todos estes apoios no Portal da Juventude, na área de Emprego e Empreendedorismo. Lá, poderá saber quais as condições e como se pode alguém candidatar, para que possa fazer parte do avanço económico do nosso país.
 

Programas que apoiam jovens empreendedores

 

1. Empreende Já

O programa Empreende Já foi feito para que seja fomentada uma cultura centrada na criatividade e na inovação entre os jovens, de modo a que sejam desenvolvidas empresas feitas por jovens e para jovens, criando assim mais postos de trabalho e ajudando os jovens do país a traçarem a sua rota. O programa baseia-se em duas ações: apoio ao desenvolvimento de projetos, e apoio à sustentabilidade de entidades.

 

2. Garantia Jovem

A Garantia Jovem é um dos apoios ao empreendedorismo jovem que aparece como resposta direta à elevada taxa de desemprego. Este apoio tem como objetivo apoiar jovens acabados de sair do  sistema de ensino ou do mercado de trabalho, dando-lhes formação e facilitando a sua transição para outro emprego, num prazo de 4 meses. Este destina-se a jovens com menos de 30 anos de idade, que não estão nem a trabalhar, nem em formação para tal.

 

3. RPGN

A Rede de Perceção e Gestão de Negócios (RPGN) é mais um dos apoios ao empreendedorismo jovem que assenta fortemente na inovação, sendo que proporciona a jovens selecionados ateliês de capacitação, bem como apoio financeiro para desenvolvimento de projetos de empreendedorismo. O programa destina-se a jovens entre os 16 e os 30 anos, desempregados ou candidatos a 1º emprego.

 

4. INOVA

A somar aos apoios ao empreendedorismo jovem que fomentam a inovação e criatividade, o projeto INOVA pretende fomentar a capacidade analítica e o espírito critico no que toca a detetar oportunidades de negócio, para que não haja nenhuma que escape aos empreendedores de amanhã.

O projeto visa premiar ideias inovadoras, dando aos jovens uma experiência de competição no meio de todo o desenvolvimento que terão. Este projeto destina-se a jovens dos 6 aos 25 anos, ainda a serem formados.



5. FINICIA Jovem

O programa FINICIA facilita o acesso de jovens a uma linha de Microcrédito até €25.000, com taxas de juro competitivas. Além disso, reforça as competências dos jovens, além de apoiar a implementação de ideias e projetos de negócio. O programa destina-se a jovens dos 18 aos 35 anos, com 12º ano de escolaridade concluído, e beneficia a inovação e viabilidade nos projetos. Além disso, são de preferência o setor industrial, energético, comercial, serviços,  de transportes ou turístico.

Precisa de dinheiro para começar um novo negócio? Agora é fácil! >>
Veja também: