Que tipos de franquias existem?

Existem vários tipos de franquias que são variáveis de seguro para seguro: podem ser obrigatórias ou facultativas. Em relação aos valores, as franquias podem ser fixas ou variáveis

Quando contratar um seguro automóvel, deve ter em atenção os tipos de franquias associados.

Que tipos de franquias existem?
Saiba quais o tipos de franquias disponíveis no mercado
  • As franquias existem para responsabilizar o cliente e, de certa forma, reduzir o risco para as seguradoras.

As franquias estão absolutamente ligadas a qualquer seguro automóvel. Quando se pretende fazer um seguro automóvel, é fundamental ter atenção a todas as franquias que estão associadas. Mas o que é, afinal, a franquia?


Franquia

A franquia associada a um seguro automóvel é o valor correspondente a parte do prejuízo que fica à responsabilidade do cliente. Estes valores que o segurado tem de suportar estão previamente assegurados no contrato. Cada seguro é um seguro e tem os seus tipos de franquias associados. 

Tipos de franquias:

Existem vários tipos de franquias que é importante que conheça. Saiba quais são.

Obrigatórias:
Estas são as franquias obrigatórias que ficam contratualizadas. São aquelas que o cliente tem a certeza que, em caso de determinados sinistros, terá sempre de cumprir.

Facultativas:
Estas franquias, no acto da contratação, podem ser escolhidas pelo cliente, que tem a liberdade de optar.


Os tipos de franquias e os valores:

Quando de fala nos valores das franquias, existem dois tipos de franquia: as fixas e as variáveis.
Fixas:
Neste caso, o valor da franquia é definido logo à partida, ficando independente do valor do sinistro ou do capital seguro.

Variáveis:
Nos tipos de franquias variáveis, o valor da franquia é depende de uma percentagem aplicada ao valor do dano. Quanto maior for esse valor, maior será a franquia.

Saiba que...
A franquia é uma condição contratual que pode reduzir o preço global do seguro, uma vez que responsabiliza o cliente por uma parte do prejuízo.

Para que serve a franquia?

A franquia surge como espécie de segurança para as seguradoras. Acaba por ter um papel preventivo, uma vez que o cliente sabe à partida que parte do seu prejuízo ficará a seu cargo. Talvez esta consciência faça com que tenha o dobro do cuidado, evitando assim a ocorrência deliberada de sinistros.

Veja também: