8 razões para ir a Madrid este ano

Quer fazer uma escapadinha, mas está indeciso quanto ao destino? Madrid pode ser a cidade que procura. Conheça o que a capital espanhola lhe reserva para 2017.

8 razões para ir a Madrid este ano
2017 promete ser muito animado em Madrid

Precisa de motivos para fazer as malas e rumar até à capital espanhola? Nunca faltam boas desculpas para dar um salto à maior cidade da península ibérica, mas para que não lhe restem dúvidas, reunimos neste artigo 8 razões para ir a Madrid este ano.

E se a estes eventos especiais juntarmos a boa comida - incluindo as sempre irresistíveis tapas - o clima, o ambiente descontraído e a ampla oferta de monumentos e atrações, a capital espanhola torna-se ainda mais tentadora. ¿Vale?


8 bons motivos para visitar Madrid este ano


Gastrofestival 2017

Gastrofest Madrid

Apresse-se pois este mega evento gastronómico tem lugar já no início do ano, de 21 de janeiro a 5 de fevereiro. Durante 15 dias realiza-se em Madrid a grande festa dos sentidos: restaurantes, mercados, lojas e até museus participam neste grande acontecimento culinário. O mote de 2017 é “Madrid para comer”.

Há workshops de cozinha, sessões de degustação - destaque para o Degustatapas - há jantares preparados por chefs internacionais e muito mais, num programa que se divide em seis temas: Madrid Gastronómico, GastroCultura, Experiências Sensoriais, GastroFashion, Enocultura e GastroSaúde.

 

400 anos da Plaza Mayor

Plaza Mayor Madrid

As “praças maiores” são dos traços mais característicos do urbanismo tradicional de Espanhal. A Plaza Mayor de Madrid, ainda que perdendo em beleza para a de Salamanca, é ampla, imponente e arquitetonicamente apelativa.

Em 2017 faz quatro séculos que foi desenhada por Juan de Mora. Os festejos começam em grande este ano, mas prolongam-se até 2020, data em que a praça foi oficialmente inaugurada por Felipe III. Teatros de rua, videomapping nas fachadas, concerto de Plácido Domingo e a tentativa de fazer o maior bocadillo com calamares do mundo, fazem parte das atividade previstas para 2017.

 

25 anos do Museu Thyssen-Bornemisza

Museu Thyssen Madrid

O Museu Thyssen-Bornemisza é um dos três grandes museus de arte que perfazem o “triângulo dourado da arte” de Madrid, juntamente com o Museu del Prado e o Centro de Arte Reina Sofia. Nas comemorações dos seus 25 anos, há muitas exposições e eventos relevantes agendados, que tornam a visita a este espaço de cultura mundialmente reconhecido ainda mais especial.

Destaque para as exposições de Sonia Delaunay-Terk, entre julho e outubro, e de Picasso/Lautrec, de 17 de outubro a 21 de janeiro de 2018.

 

Maratona EDP Rock’n’Roll

Maratona Popular Madrid

O grande evento do running da capital espanhola é este ano ainda mais especial. A Maratona Popular de Madrid - ou Mapona para os corredores – faz parte da Rock 'n' Roll Marathon Series, o maior circuito mundial de maratonas que este ano celebra 20 anos, e que é conhecido por incluir entretenimento e concertos ao vivo ao longo do percurso.

No caso de Madrid, serão vinte bandas em vinte locais diferentes. A animação promete e caso os 42 km da corrida completa sejam muito para si, pode sempre optar pela meia maratona ou pela mini, de apenas 10 km. Acontece a 23 de abril e nos dois dias anteriores realiza-se a Expodepor, uma feira de desporto.

 

ARCO Madrid

Arco Madrid

A feira internacional de arte contemporânea  ARCO quase dispensa apresentações, tendo o conceito chegado também a Lisboa em 2016. É um ponto alto da cultura e da cena artística madrilena, que desde 1981 atrai anualmente à capital espanhola milhares de espanhóis e estrangeiros.

Em 2017 o país em destaque é a Argentina e espera-se a presença de cerca de 200 galerias de arte de todo o mundo. Realiza-se de 22 a 26 de fevereiro.

 

Festival World Pride Madrid

World Pride Madrid

Em 2017, Madrid assume-se como capital internacional da diversidade, ao receber a grande festa do orgulho LGBT. Vai acontecer de 23 de junho a 2 de julho e apesar do seu epicentro ser no bairro de Chueca, a programação estende-se por toda a cidade com concertos, festas nos parques e nas ruas, conferências, competições desportivas, atividades para os mais novos, exposições e, claro, a grande marcha do orgulho LGBT.

Trata-se do maior evento mundial para esta comunidade que, no entanto, pretende ser inclusiva e aberta a todos. 

 

“Escher”

Escher Exposição Madrid

Esta não é uma, mas sim duzentas ótimas razões para ir a Madrid este ano: nesta exposição vão poder ser apreciadas duzentas obras do mago holandês dos desenhos surrealistas. Ilusão, imaginário, perspetiva: Maurits Cornelis Escher foi exímio em trabalhar estes conceitos e provocar inquitação, surpresa e incredulidade.

Aproveite, e para além de visitar a exposição, ficará a conhecer o bonito edifício do Palácio de Gaviria, que abre portas este ano após um longo período encerrado. Patente de 1 de fevereiro a 25 de junho.

 

Festival Suma Flamenca

Festival Suma Flamenco Madrid

De 6 a 18 de junho, Madrid deixa-se invadir pela riqueza do flamenco, a música tradicional do sul do país. O programa é intenso e inclui desde os artistas mais conhecidos aos novos talentos. Espalhados por vários palcos da cidade, haverá espetáculos de canto, baile, toque (guitarras) e muita animação paralela, naquele que é um dos festivais de flamenco mais relevantes a nível mundial.

 

“Piedade e Terror em Picasso: o caminho para Guernica”

Guernica Exposição Picasso Madrid

Estará patente no Centro de Arte Museo Reina Sofia, de 5 de abril a 4 de setembro, e é já considerada uma das grandes exposições do ano.

Acontece no momento em que se comemoram os 80 anos da exposição ao público do famoso quadro de Pablo Picasso e pretende abordar a visão que o pintor espanhol quis transmitir sobre a guerra moderna, assim como “a iconografia singular de agonia, perplexidade e horror que este tipo de violência acarreta”, pode ler-se no site do museu. A não perder!

Precisa de hotéis para ficar em Madrid? O melhor preço está aqui!

Veja também: