AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

4 válidas razões para se despedir

Podem não faltar motivos para ficar, mas saiba que também há boas razões para se despedir. Nós dizemos-lhe quatro.

4 válidas razões para se despedir
Sim, também há boas razões para deixar o emprego

As razões para se despedir podem ser as mais diversas, no entanto tomar essa decisão não é fácil. Seja pela segurança que o seu emprego lhe dá ou pela incerteza do que virá a seguir. É natural que queira aconselhar-se com familiares e amigos, apesar de recear não ser compreendido e até ser criticado por pensar nisso. Mas a pergunta principal tem que a fazer a si próprio: sou feliz com o que faço?

Nos dias de hoje, encontrar trabalho não é fácil e pensar em deixar o emprego é encarado como algo injustificado. No entanto, saiba que existem razões válidas para se despedir.


4 válidas razões para se despedir


1. Quer prosseguir os estudos

Não terminou a sua licenciatura ou gostava de iniciar um curso? Anda a adiar o doutoramento por falta de tempo ou disponibilidade? Provavelmente esta decisão pode trazer-lhe vantagens profissionais no futuro. Considere-a como um investimento.
 


2. Teve uma melhor oferta de emprego

Propuseram-lhe um emprego melhor? Não tem que se sentir culpado, esta é uma das boas razões para se despedir. Progredir em termos profissionais é uma ambição legítima.
 


3. Não se sente respeitado

Ir trabalhar representa para si um sacrifício diário? Quando as coisas correm mal a culpa é sua e quando correm bem o mérito é do seu chefe e, para além das obrigações profissionais, o seu chefe também o trata como moço de recados. Os seus colegas falam de si pelas costas, entre outras situações embaraçosas. Não existem empregos perfeitos, é verdade. Mas não tem que se sujeitar a isto. Se já tentou mudar comportamentos e não conseguiu, está na altura de sair. Esta é mais uma das razões para se despedir.
 


4. Não se sente desafiado

Experimentar coisas diferentes é uma razão válida para deixar o emprego atual. Se o que faz já não o motiva e a empresa não oferece oportunidades para progredir na carreira, talvez o melhor seja mesmo sair. Comece a procurar outro emprego tendo em conta as suas prioridades pessoais e objetivos profissionais, quais as competências e capacidades que gostaria de desenvolver ou executar.

Veja também: