3 típicas receitas de Trás-os-Montes

Gastronomia autêntica, que respeita hábitos e tradições: assim são as mais típicas receitas de Trás-os-Montes. Descubra quais são.

3 típicas receitas de Trás-os-Montes
Comida de conforto e cheia de sabor

Há um grau de autenticidade na cozinha de Trás-os-Montes que não vemos noutros pontos do país e que nos remete de imediato para a paisagem tão característica da região. Para comprovar isto, mostramos 3 receitas de Trás-os-Montes, onde o sabor é tudo.

A cozinha transmontana é variada e colorida, assente nos ingredientes que a terra proporciona e nas carnes da caça e das raças naturais da região. Assim, uma mesa com receitas de Trás-os-Montes é sempre farta e apela à degustação.

3 receitas de Trás-os-Montes com muito sabor


Não podemos escolher por si quais são as melhores receitas de Trás-os-Montes, mas deixamos 3 boas sugestões que devem ser saboreadas tão lentamente quanto possível.

Feijoada à Transmontana

feijoada

Esta feijoada é um prato indispensável, principalmente, no almoço de Domingo Gordo. Reza a tradição que deve começar a ser preparada de manhã, bem cedo, para permitir retirá-la do lume e reaquecê-la antes de servir – pois, deste modo, acaba por ser mais apreciada e consegue-se destacar mais os sabores.

Ingredientes
1kg de feijão
500gr de orelha de porco
200gr de focinho de porco
1 pé de porco
1 linguiça
100gr de salpicão
100gr de presunto
1dl de azeite
1 cebola
1 ramo de salsa
1 folha de louro
1 dente de alho
Pimenta branca e sal q.b.
Malagueta e colorau
1 cravinho

Modo de preparação

  1. De véspera, colocar de molho, em água fria, num recipiente o feijão previamente lavado e, num outro, as carnes, que são sempre fumadas.
  2. No dia seguinte, cozer o feijão na água em que demolhou.
  3. Cozer as carnes noutro recipiente e, depois de bem cozidas, cortar em pedaços. A linguiça e o salpicão devem ser cortados em rodelas.
  4. Aloirar a cebola com o azeite e juntar o feijão com a água em que cozeu.
  5. Juntar as carnes e um pouco de água da cozedura.
  6. Retificar o sal e juntar a salsa, o louro, o dente de alho picado, a malagueta, o colorau e o cravinho.
  7. Deixar apurar em lume brando.
  8. Acompanhar com arroz de forno bem seco.

Cozido à portuguesa

cozido a portuguesa

Em Trás-os-Montes o cozido é, tal como a feijoada, um prato mais típico da época de Carnaval. Isto acontece, porque os animais são mortos antes do Natal e as carnes guardadas em fumeiro, nomeadamente a orelheira e o focinho.

Ingredientes
1 frango ou meia galinha
1 salpicão
1 chouriça de carne
1 chouriço de sangue
400gr de costelas (entrecosto)
4 a 5 ossos de suã (espinhaço)
1 orelheira e beiça (focinho)
1 couve lombarda
1 couve portuguesa
5 cenouras
3 nabos
5 a 6 batatas

Modo de preparação

  1. Espetar palitos de madeira nos chouriços e cozer em água simples.
  2. Numa panela com água cozer os ossos de suã, depois de bem lavados. Quando estiverem bem cozidos, introduzir na panela o entrecosto e o frango, a orelheira e beiça e o salpicão.
  3. Retirar as carnes à medida que estiverem cozidas.
  4. Adicionar os legumes arranjados e descascados na água de cozer as carnes e deixar cozer.
  5. Preparar o arroz branco, com um pouco da água do cozido.
  6. Para servir, cortar as carnes, aquecer o caldo e colocar numa travessa juntamente com os legumes.
  7. O arroz é servido à parte, decorando-se a superfície com os enchidos e eventualmente rodelas de cenoura.

Alheira de Mirandela com grelos

alheira

A mais famosa das alheiras é de Mirandela, que foi nomeada uma das 7 Maravilhas da Gastronomia de Portugal. Pensa-se que a sua origem remonta ao final do séc. XV, estando associada à presença dos judeus na região. Como não comiam carne de porco, recorriam a outras carnes que envolviam numa massa de pão, para criar ao que hoje chamamos de alheira.

Ingredientes
1 ou 2 alheiras
1 molho de grelos
3 batatas médias
Sal q.b.

Modo de preparação

  1. Lavar os grelos, cortar e reservar.
  2. Descascar as batatas, cortar ao meio e cozer em água com sal.
  3. Assar a alheira na brasa ou grelhar em lume médio sem adição de gordura. Vá virando e espete-a com um garfo.
  4. Adicionar os grelos às batatas quando estas estiverem quase cozidas.
  5. Escorrer as batatas e os grelos.
  6. Servir a alheira com as batatas cozidas, grelos e regar com azeite.

Veja também: