PLANO DE SAÚDE MEDICARE - 6 mensalidades sem compromisso

6 passos para ter uma casa à prova da rinite alérgica

Neste artigo conheça algumas dicas para higienizar a sua casa de forma a controlar sintomas da rinite alérgica.

6 passos para ter uma casa à prova da rinite alérgica
Livre-se dos espirros

Conhece bem aquele ritual de estar na rua, perfeitamente bem e, ao entrar em casa começar a espirrar continuamente, com muita comichão no nariz e olhos e com corrimento? Pois bem, seja bem-vindo ao mundo da rinite alérgica.

As nossas casas, particularmente algumas áreas específicas que tenham mais tecidos ou possibilidade de acumular bolor e ácaros, são verdadeiras “minas” de acumulação de partículas que aceleram os sintomas de rinite alérgica. Deixamos-lhe algumas dicas para controlar a situação:


Acabar com a rinite alérgica em casa em 6 passos



1. Aposte na circulação de ar!

É uma regra de ouro: deixe a sua casa arejar todos os dias pelo menos por uns minutos! Aproveite, por exemplo, quando sai de casa, para deixar as janelas um pouco abertas. Isto vai fazer com que haja menos probabilidades de se acumular humidade e bolores nas paredes, tão amigos da rinite alérgica.

 

2. Higienize os têxteis de casa

Os ácaros são uns bichinhos que adoram a nossa cama, as nossas carpetes e até os cortinados! Além disso, todos estes são locais onde o pó facilmente se acumula.

Troque de lencóis pelo menos uma vez por semana e aproveite para aspirar o colchão, e aposte numa boa limpeza dos tapetes e carpetes de sua casa, de preferência com um aspirador que funcione a água.

Também os cortinados devem ser lavados pelo menos uma vez por mês.

 

3. Fora com o bolor!

A casa de banho é um verdadeiro casulo para a acumulação de bolores caso não seja mantida a devida higienização. Depois do banho, altura em que os vapores se acumulam, deixe a porta aberta para o ar circular e aposte numa lavagem dos azujelos pelo menos uma vez por mês.

 

4. Cuidado com o pêlo dos animais

A nossa companhia de quatro patas não necessita de cuidados apenas na alimentação e no passeio. É essencial manter a sua higiene do pêlo, pois se não o escovar devidamente (pelo menos uma vez por semanao), o pêlo morto vai andar a espalhar-se pela casa e vai tornar-se um verdadeiro atentado à sua rinite alérgica!

 

5. Mais é menos!

Além de ser mais fácil de manter a casa organizada e limpa, torna o ambiente menos apetecível ao pó e outras partículas menos saudáveis. Opte por ter poucas peças de decoração e “quinquilharias” espalhadas pela sua casa, as suas alergias vão agradecer!

 

6. Portas abertas

É daquelas pessoas que só consegue dormir com a porta do quarto fechada? Fique a saber que este hábito não é de todo saudável... ao fechar a porta está a criar um verdadeiro micro-clima para a acumulação de ácaros e pó no local onde supostamente devia estar mais “respirável” para uma boa noite de sono.

Veja também: