Publicidade:

O roteiro de Street Art no Porto que não pode perder

De Miguel Bombarda a Miragaia, a Invicta está repleta de arte urbana. Reserve uma manhã ou uma tarde e dedique-se a fazer um roteiro de Street Art no Porto.

O roteiro de Street Art no Porto que não pode perder
Uma moderna forma de expressão

Arte urbana, urbanografia ou Street Art é a expressão que se refere a “manifestações artísticas desenvolvidas no espaço público, distinguindo-se das manifestações de caráter institucional ou empresarial, bem como do mero vandalismo”. Assim se define esta moderna forma de expressão, que vai estando cada vez mais espalhada pelas cidades. Nós fazemos-lhe um roteiro de Street Art no Porto para que não perca pitada deste relativamente recente movimento.

Roteiro de Street Art no Porto: 8 paragens obrigatórias


Miguel Bombarda

O roteiro de Street Art no Porto começa com a primeira obra de arte urbana legalizada na Invicta. Três artistas uniram-se para criar ‘D. Quixote & Sancho Pança’, que dá as boas-vindas a uma das ruas mais típicas, Miguel Bombarda.

david pintor

Metro da Trindade

No parque de estacionamento do metro da Trindade tem um dos pontos obrigatórios do roteiro de Street Art no Porto. Assinado pelo conhecido Mr Dheo, este mural é mesmo um dos ícones da arte urbana da cidade.

Estação de São Bento

Chegando a São Bento, procure pela Rua da Madeira – é lá vai encontrar um mural de 185 metros (sim, não vai ter dificuldade em identificá-lo) desenhado com stencil. A obra chama-se “Clouds”, foi criada por uma dupla de artistas italianos e representa as nuvens que antecedem uma tempestade.

flores

Rua das Flores

Caminhamos pela Rua das Flores até ao Largo de São Domingos. Por estes recantos as caixas de eletricidade ganham vida! E em todas elas há uma história por trás. Da cidade, da história, de figuras emblemáticas ou de frases e expressões tipicamente tripeiras… A responsabilidade das mesmas ficou a cargo de vários artistas urbanos entre Costah, Hazul, Godmess x Sem e Bug Bolito.

Alfândega

Ao descer a cidade até à zona da Alfândega, encontramos outro dos pontos essenciais do nosso roteiro de Street Art no Porto: a obra ‘Mira’, de Daniel Eime. Na fachada do edifício é possível identificar um síbolo da população envelhecida nesta zona da Invicta.

Continuando o roteiro de Street Art no Porto, vai encontrar mais à frente uma obra de um dos maiores nomes da arte urbana mundial – Vhils. Foi inaugurada em 2016, fica num prédio em Miragaia, mesmo em frente à Alfândega, combina “elementos naturais e humanos, com o olho da figura a contemplar poeticamente a cidade e os seus velhos bairros” e é visitável 24 horas por dia.

restauração
Fonte: Porto Lazer

Rua da Restauração

Se for pela marginal fora vai encontrar a Rua da Restauração, onde está localizado o Mural Coletivo da Restauração. Constituído por seis criações de seis artistas diferentes, vão rodando anualmente, uma vez que é lançado um concurso sob a alçada do Programa de Arte Urbana do Porto.

Ponte Luíz I

Quando vinha a descer até à zona ribeirinha, em vez de virar à direita para a Alfândega, faça um desvio pela esquerda até junto da Ponte Luíz I. Mesmo à entrada encontra ‘an.fi.tri.ão’, uma obra de Frederico Draw que é uma espécie de convite e boas vindas à cidade do Porto. A título de curiosidade, a pessoa retratada é o seu avô.

ponte

Conhece o BECUH?

O Becuh (Badass Experiences by Creatives from Urban) é um espaço experimental que pretende dinamizar atividades ligadas à “Street Art Contemporânea”. Aqui são promovidas uma série de iniciativas, mostras, exposições, instalações e performances, num ambiente informal e de partilha.

Morada: Rua da Madeira, Porto

Horário: (Funciona apenas no último fim de semana de cada mês) sex das 19h00 à 01h00; sáb das 15h00 às 19h00 e dom das 10h00 às 13h00

Contacto: [email protected]

Veja também: