Os carros no Salão Automóvel de Genebra: destacamos 15

O Salão Automóvel de Genebra é uma das mais esperadas “montras” da indústria automóvel deste ano em solo europeu.

Os carros no Salão Automóvel de Genebra: destacamos 15
Descubra os modelos que vão marcar 2017

Os principais fabricantes de carros do mundo mostram no 87º Salão Automóvel de Genebra, um dos eventos mais relevantes da Europa, o que de melhor se faz na indústria automóvel.

No salão do ano passado, a indústria estava sob a sombra do escândalo de falsificação dos testes de emissões dos veículos a diesel da Volkswagen. Uma fraude que levou os fabricantes de automóveis a direccionar as suas estratégias para o desenvolvimento dos motores que emitam no máximo 95 gramas de dióxido de carbono por quilómetro em 2021, em comparação com 130 gramas em 2015, de modo a atender às exigências europeias.

Com as vendas europeias quase de volta aos níveis mais altos registados em 2008, os fabricantes de automóveis começam a comemorar o fim de uma crise financeira global que afetou a indústria. Dados divulgados pela Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis (ACEA) sugerem um crescimento de apenas 1% no setor neste ano e aconselham uma posição mais cautelosa.

Durante 10 dias (9 a 19 de Março) cerca de 180 empresas estão presentes no Salão de Genebra a mostrar as últimas inovações nos automóveis. Em 2016, mais de 687 mil visitantes passaram pela Palexpo, em Genebra, na Suíça.

Desde os grandes fabricantes às pequenas marcas, dos pequenos citadinos aos supercarros, o que não faltam são novidades que vão de certeza surpreender todos os que são apaixonados pelos veículos de quatro rodas. Se gosta de carros confira ao vivo e a cores, as mais recentes inovações da indústria automóvel.

Marcas premium no Salão de Genebra

C

Audi Q8 sport concept

A marca alemã conta com seis novos modelos no Salão de Genebra. Como estreias mundiais a marca dos quatro anéis revela o Audi Q8 sport concept e o novo RS 5 Coupé, o Grande Turismo dos modelos RS. Para a competição automóvel, estreia do Audi RS 5 DTM que debita uma potência de 500 cavalos.

O Audi Q8 sport concept é um desportivo dinâmico e luxuoso, com um design que lhe confere uma imagem poderosa. A combinação de um motor de seis cilindros 3.0 TFSI com um sistema mild hybrid e um compressor elétrico é uma estreia mundial. O Q8 conta com uma potência de 476 cavalos (350 kW) e um binário máximo de 700 Nm, acelera de 0 a 100 km/h em 4,7 segundos e atinge uma velocidade máxima de 275 km/h. A autonomia superior a 1.200 km torna-o no automóvel ideal para viagens de longa distância. São ainda duas estreias o RS 3 Sportback e o SQ5 TFSI.

C

Lexus LS 500h

Genebra é o palco da estreia mundial do novo Lexus LS 500h, a versão full hybrid do novo sedan da marca de nipónica. Com este modelo a Lexus reinventou o sedan de luxo, apresentando um automóvel com um design arrojado e um apelo sofisticado para cativar os clientes mais jovens. O design do novo topo de gama conta com uma longa distância entre-eixos e um perfil baixo, semelhante ao de um coupé, posicionando o LS em dois segmentos, o dos sedans e coupés. No interior predomina o luxo e a inovação de materiais e equipamentos.

C

Mercedes-AMG GT Concept

É o maior esforço de sempre da marca alemã para combinar dois mundos: o conforto e o lado prático de um sedan com a capacidade dinâmica de um superdesportivo. O novo AMG GT Concept recorda as linhas da primeira geração do CLS e combina-as com o look moderno e agressivo da família AMG GT. A Mercedes revela ainda uma versão muito especial do Classe G, uma espécie de semi-descapotável com rodas de 22 polegadas e motor AMG V8 de 4.0 litros. Outro dos modelos é a carrinha AMG E63, que será a mais veloz do mundo, chegando ao 100 km/h em 3,5 segundos.

C

Volvo XC60

Este novo modelo vem substituir o Volvo XC60 original, que após nove anos do seu lançamento, tornou-se no SUV premium de média dimensão mais vendido na Europa. Com quase um milhão de unidades vendidas em todo o Mundo, este modelo representa 30% do total das vendas da Volvo.

O novo XC60, um dos veículos mais seguros de sempre, apresenta três novos sistemas de segurança: City Safety, Oncoming Lane Mitigation (ajuda a evitar colisões com veículos situados noutras faixas de rodagem) e o Volvo Blind Spot Indication System (alerta o condutor para a presença de veículos no chamado ângulo morto). A versão topo de gama do Novo XC60 disponibiliza a motorização plug-in hybrid T8 Twin Engine a gasolina com 407 cavalos e capacidade de aceleração de apenas 5,3 segundos dos 0-100 Km.

C

BMW Série 4

O Salão de Genebra é palco de estreia do renovado BMW Série 4. A marca bávara dotou este modelo com motores a gasolina com potências entre os 184 e os 326 cavalos e a gasóleo entre 150 e 313 cavalos, caixas manual ou automática de 6 e 8 velocidades. O BMW M4 também é contemplado neste restyling. O novo modelo deverá chegar ao mercado no segundo trimestre do ano, com preços acima dos atuais e com algumas novidades, tendo como objetivo não perder de vista os rivais Audi A5 e o novo Mercedes Classe C Coupé. Outra das novidades é a BMW Série 5 Touring, uma das carrinhas com melhor desempenho do mercado.

C

Land Rover Range Rover Velar

Rival do Porsche Macan, o novo Velar é um modelo mais direccionado para uma utilização em asfalto que a casa britânica já criou até ao momento. O Velar coloca-se entre o Evoque e o Range Rover Sport. Este SUV da Land Rover combina um design com uma simplicidade elegante e um habitáculo repleto de tecnologias pioneiras para os passageiros. Em termos de motorizações o Range Rover Velar terá um total seis motores, todas associadas a uma transmissão automática de oito velocidades. O novo Range Rover Velar já pode ser encomendado em Portugal e os preços começam nos 68.212€.

 

C

Porsche Porsche 911 GT3

A nova geração do 911 conta com um motor atmosférico com uma potência de 500 cavalos (368 kW). O chassis redesenhado, com eixo traseiro direcional e construção ligeira, está afinado para converter a potência do motor numa dinâmica de condução superior.

Com a caixa de sete velocidades de dupla embraiagem de série, a qual foi especificamente afinada para utilização no Porsche GT3, esta máquina de dois lugares é capaz de acelerar dos 0-100 km/h em 3,4 segundos, e atingir uma velocidade máxima de 318 km/h. Para os condutores puristas, a Porsche disponibiliza igualmente uma caixa manual de seis velocidades. Os preços para o novo 911 GT3 iniciam-se nos 205 mil euros.

Marcas generalistas no Salão de Genebra

C

Volkswagen Arteon

As estreias mundiais da marca alemã vão para o coupé Arteon e para o Tiguan Allspace. O Volkswagen Arteon é um coupé de cinco portas que na fase de lançamento será comercializado com motores Diesel TDI e a gasolina TSI, com potências compreendidas entre os 150 e os 280 cavalos. Este novo modelo vem equipado com blocos de 4 cilindros posicionados transversalmente, uma caixa manual de 6 velocidades ou a uma transmissão automática DSG de 7 velocidades. Os grupos óticos em LED fundem-se com a grelha do radiador e o capot, criando uma parte dianteira completamente nova.

O novo Volkswagen Tiguan Allspace posiciona-se entre o Tiguan e o topo de gama Touareg. Com opção até sete lugares, o volume da bagageira aumentou 145 litros, até 760 litros com cinco pessoas a bordo. Pela primeira vez no Tiguan existe um sistema de informação e de entretenimento Discover Pro com controlo por gestos. A VW disponibiliza seis motores para o Tiguan Allspace, transmissão DSG e tração 4MOTION para as motorizações acima dos 180 cavalos.

C

Seat Ibiza

Depois do sucesso com o Leon e, mais recentemente, com o SUV Ateca, a Seat renova aquele que já foi o seu modelo mais vendido. O Ibiza mantém o nome mas tudo o resto é novo. A ambição da marca espanhola é fazer o Seat  Ibiza regressar ao topo do segmento. O novo Ibiza com um estilo muito mais sedutor, semelhante ao Leon, tem apenas a versão de cinco portas. No interior, a evolução é ainda maior em termos de estilo, qualidade e refinamento, além de espaço que aumentou. Nas motorizações, destaque para o bloco 1.0 TSI com 3 cilindros e depois o 1.5 litros TDI. Lê-se no futuro do Ibiza as versões FR e Cupra.

C

Toyota Yaris

O pequeno hatchback da Toyota continua a aumentar a sua quota de mercado no segmento B (de veículos compactos) na Europa Ocidental desde o lançamento da terceira geração em 2011. Uma razão mais que suficiente para que a Toyota reforçasse as mais-valias do Yaris. Design, qualidade, performances e segurança são considerações-chave na decisão de compra e foram as áreas de foco para este programa de melhoramentos da Toyota. A versão híbrida continua a constituir uma oferta única no segmento estando a alavancar mais de 40% do total das vendas europeias do Yaris.

C

Peugeot 3008

O crossover Peugeot 3008 foi eleito o carro do ano de 2017 na Europa. O júri de 58 jornalistas europeus, de 22 países, rendeu-se ao estilo exterior do 3008, ao design interior e às prestações. A marca do leão destaca que a segunda geração do 3008 rompe com o passado com uma silhueta mais baixa e alongada, com uma estética elegante, que se pauta por linhas sofisticadas, uma linha de cintura elevada e rodas bem-dimensionadas.

O novo SUV Peugeot 3008 é um automóvel que vai de encontro a clientes exigentes que procuram a diferenciação e novas experiências. Destaque para o i-Cockpit de última geração, que reinventa o posto de condução, proporcionando uma experiência mais intuitiva. Já o painel de instrumentos é um ecrã tátil de 12,3 polegadas de alta resolução.

C

Mazda CX-5

A estreia europeia do novo Mazda CX-5, a segunda geração do popular SUV compacto, mostra como o modelo evoluiu de acordo com a filosofia centrada no ser humano: “condutor-e-carro-como-um-todo” com todos os seus ocupantes. A marca nipónica dotou o habitáculo maior conforto e com uma avançada ergonomia no seu todo, incluindo um pára-brisas que permite projecções do head-up display. O novo CX-5 recebe também as mais recentes inovações no domínio da segurança activa da Mazda. Por fora, a linha de tejadilho mais baixa e minimalista conferem ao modelo uma postura desportiva, mais refinada.

C

OPEL Insignia

As honras de principal estreia cabem à segunda geração do Insignia, nas variantes Grand Sport e Sports Tourer, ao mesmo tempo que o versátil Crossland X faz a primeira apresentação ao público. O design do novo Insignia inspira-se na de um grande coupé, com uma imagem dinâmica que se alia a um habitáculo muito espaçoso. A segunda geração do Opel Insignia conta com linhas elegantes, faróis de matriz de LED IntelliLux, um sofisticado sistema de tração integral com vetorização de binário, avançados sistemas de assistência à condução e o evoluído ‘head up display’.

C

Hyundai i30 SW

A versão ‘station wagon’ é o mais recente elemento da família i30, após o lançamento da versão de cinco portas. A carrinha i30 mantém o design do modelo de cinco portas, com um tejadilho afunilado e proporções dinâmicas mas com uma silhueta ao estilo coupé. A nova Hyundai i30 SW esta disponível em toda a Europa no verão de 2017.

A Hyundai apresenta o concept futurista FE Fuel Cell, que representa a próxima geração de veículos movidos a hidrogénio. Como líder global da mobilidade a hidrogénio, a marca sul-coreana reafirmou o seu compromisso de desenvolver veículos fuel cell a hidrogénio, com zero emissões. Recentemente foram revelados o ix35 Fuel Cell e o Tucson Fuel Cell em alguns mercados.

C

Alpine A110

O novo Alpine com linhas esguias e elegantes é uma homenagem ao mítico desportivo produzido pela marca na década de 70 e que se tornou o primeiro vencedor do Campeonato do Mundo de Ralis, em 1973. O motor terá 1,8 litros, a mesma cilindrada do A110 de 1973, e deriva do 1.6 Turbo que equipa o Clio RS. Com mais capacidade, injecção directa e outros truques ao nível da sobrealimentação, este motor deverá posicionar-se acima de 250 cavalos. O novo Alpine A110 garante 4,5 segundos de 0 a 100 km/h, ou seja, tanto quanto um Porsche 718 Cayman S (350 cavalos), sendo mais ágil, uma vez que deverá ter um peso de perto dos 1.000 kg, ou seja, quase 450 kg menos do que o seu rival alemão. A Alpine é uma marca detida pela francesa Renault.

Veja também: