AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

10 dicas para ser mais esperto no trabalho

Com a ajuda de algumas dicas para ser mais esperto é possível dar um empurrão extra ao cérebro. Depois é tudo uma questão de treino.

10 dicas para ser mais esperto no trabalho
Melhore a sua agilidade mental

Se julga que a sua inteligência não poder ser melhorada está redondamente enganado. De facto, não há um limite de tempo ou idade para parar. Com a correcta estimulação, a capacidade e a rapidez de raciocínio podem ver o ser potencial reforçado. Uma mais valia reconhecida por quem contrata. Conhecer algumas dicas para ser mais esperto é por isso uma vantagem.

Não há uma fórmula secreta para ficar mais inteligente da noite para o dia. Na prática, simples exercícios e actividades bem como pequenas mudanças comportamentais podem fazer (e fazem) toda a diferença. É a sua postura que vai determinar o sucesso da ‘missão’ a que se propõe. Não perca tempo a querer parecer mais esperto. Invista tempo para ser mais esperto.

Voltar à escola para estudar pode parecer a opção mais lógica e é de facto uma boa aposta. No entanto, há outras maneiras mais funcionais de alcançar os mesmos fins. Ler, aprender uma actividade nova, conhecer pessoas interessantes são bons exemplos. Mas há mais. Quais? Continue a ler o nosso artigo e conheça as nossas dicas para ser mais esperto.


10 dicas para ser mais esperto no trabalho


1. Boa gestão do tempo online

É certinho! Vai dar uma olhadela ao seu perfil no facebook e acaba por ficar horas em frente ao computador a navegar nas redes sociais. Porque não aproveitar melhor o tempo na internet? Leia a imprensa nacional e internacional, aprofunde os seus conhecimentos sobre geografia ou história, veja vídeos das conferências TEDx. Rentabilize o seu tempo.



2. Tirar notas

Tão simples mas tão prático. Quando aprender algo realmente importante, faça apontamentos sobre o assunto. É que escrever a informação facilita e muito o processo de memorização da mesma. Lá está, obriga o nosso cérebro a acelerar. Lembre-se dos tempos de escola, onde ler os apontamentos para estudar a matéria do exame eram um truque muito comum.



3. Listar as conquistas

Confiança e felicidade são importantíssimas para impulsar a inteligência. Porquê? Uma pessoa com uma auto estima elevada e de bem com vida e consigo, sente-se muito mais motivada e determinada. Faça uma pequena lista com todos os seus feitos. Leia-a e sinta-se orgulhoso por tudo o que alcançou. É aquela força extra para continuar a dar o seu melhor.



4. Leia, leia, leia…

Uma dica para ser mais esperto acessível a qualquer um. Os estudos dizem que ler muito tem um papel decisivo para uma maior agilidade mental e criatividade. Jornais, revistas, livros. Versão papel ou digital. Língua nativa ou estrangeira. Ficção ou realidade. Mais importante do que o conteúdo é a quantidade. A leitura deve ser um exercício diário. Não seja preguiçoso.



5. Não diga não a um joguinho

Puzzles, xadrez, jogos de cartas, palavras cruzadas, sudoku. São alguns bons exemplos de jogos que deve praticar, sozinho ou em grupo. Quando estiver a jogar, vai estar a treinar o seu cérebro. Estratégia, matemática, memória são postas à prova. Claro que o deve fazer sem a ajuda de livros, internet, cábulas ou truques. Fair play acima de tudo.



6. Diz-me com quem ando e digo-te quem sou

Pelas mais variadas razões, devemos escolher bem os nossos amigos. Ora se no nosso círculo mais próximo, nos relacionarmos com pessoas inteligentes, vamos aprender mais. Um amigo que lê muito, viaja imenso, toma boas decisões, tem um vasto conhecimento geral, é uma excelente companhia. Não se sinta diminuído perto dele, aproveite sim a oportunidade para ‘crescer’. 



7. Seja professor por uns momentos

Aprender algo novo qualquer um consegue. Reter esse conhecimento e transmitir aos outros para que o aprendam também, não é para qualquer um. Todos nós falamos com mais facilidade de um assunto que dominamos. Se consegue explicar de uma forma simples é porque entendeu. Faça-o com os seus amigos, familiares ou até mesmo sozinho em frente ao espelho.



8. Aprenda uma língua nova

Dedique algum do seu tempo online a aprender um novo idioma (inglês, espanhol, francês, italiano, alemão, russo…). Existem alguns sites gratuitos que o podem ajudar. Uma rápida pesquisa na internet e descobre boas ferramentas de trabalho. Na prática será uma espécie de dois em um: ginástica cerebral e aquisição de uma competência profissional.



9. Saia da rotina

Ninguém gosta de fazer todos os dias a mesma coisa. O nosso cérebro não foge à regra. Faça actividades novas e diferentes com alguma frequência. Experimente hobbies, mesmo que aparentemente não sejam de grande utilidade naquele momento. A verdade é que não sabemos o que o futuro nos reserva e o que aprendemos hoje pode ser útil no futuro.



10. Tenha o seu momento zen

Para o fim deixámos a mais intuitiva das dicas para ser mais esperto. No fim do dia, pare, relaxe e concentre-se em tudo o que aprendeu. O seu cérebro precisa de tempo para assimilar as informações e ‘arrumá-las’ no sítio certo. É o seu momento zen. Sim, pode praticar meditação ou ioga, ouvir música ou até mesmo correr. O importante é a recuperar a energia.
Faça mais pela sua carreira >>
Veja também: