Publicidade:

33 situações caricatas em entrevistas de emprego (para rir e evitar)

Conheça situações a evitar numa entrevista de emprego, algumas um tanto ou quanto bizarras, relatadas por profissionais de RH.

33 situações caricatas em entrevistas de emprego (para rir e evitar)
Situações bizarras contadas por profissionais de RH

Há realmente situações bizarras que acontecem nas entrevistas de emprego relatadas pelos profissionais da área de Recursos Humanos (RH) e que poderão ser uma boa indicação do que não se deve fazer nesta situação, isto se não quiser comprometer a possibilidade de vir a ser selecionado.

Poderá haver lugar para entrevistas e apresentações mais “criativas”, mas tudo dependerá, claro, do cargo, do tipo de função e da empresa ou instituição a que se candidata.

Conheça agora algumas situações relatadas por profissionais de RH e consideradas nada adequadas para uma entrevista de emprego.

Entrevista de emprego: situações caricatas a evitar


1. Ingerir bebidas alcoólicas

Uma pessoa dos RH relatou ter visto alguém pôr a lata de cerveja no lixo, na receção, antes de entrar para a entrevista. Pois é, evidenciar sinais de ter bebido álcool ou bebê-lo enquanto se aguarda por uma entrevista de emprego não é, de todo, adequado à situação.

2. Falar sobre relacionamentos amorosos

Outro profissional de RH referiu que uma pessoa contou que foi um envolvimento amoroso em ambiente profissional que lhe custou o emprego anterior.

3. Ler e responder sem atenção

Um profissional de RH disse que pediram a potenciais candidatos para preencherem um questionário. No item “Escolha uma palavra para resumir o seu atributo profissional mais forte”, uma pessoa escreveu: “Sou muito bom a seguir instruções”. Pois é, não leu nem respondeu com muita atenção.

4. Não ter cuidado com algumas situações

Outro exemplo dado pelos RH para situações bizarras foi o facto de alguém ter espirrado e assoado o nariz, durante a entrevista, e ter colocado os lenços usados em cima da mesa, à frente do recrutador.

entrevista de emprego

5. Confundir o trabalho

Uma pessoa candidatou-se a um trabalho para atendimento ao cliente e, quando lhe perguntaram o que ele não gostaria de realizar, ele disse: “lidar com pessoas”. Evite estes “desastres”, informe-se sobre o tipo de trabalho a que se candidata e responda em conformidade se quer ter a possibilidade de ser escolhido.

6. Levar companhia impaciente

Se não for sozinho à entrevista, assegure-se de que a sua companhia não a vai estragar. Uma vez um amigo de um candidato interrompeu a entrevista e perguntou:”Ainda demoras muito?”, referiu um profissional de RH.

7. Não se preocupar com a pesquisa

“É incrível quando as pessoas chegam a uma entrevista e dizem: pode falar-me sobre o seu negócio ou sobre a sua empresa?”, disse um profissional de RH. Não deixe que isto aconteça. Saiba mais sobre a empresa recrutadora, procure-a na internet, recolha informação e mostre que se interessou.

8. Listar experiências irrelevantes

Se lhe pedirem para listar experiências, não liste tudo o que viveu, mas apenas as experiências que poderão ser relevantes para o cargo. Uma consultora em RH relatou que houve quem listasse todo o tipo de experiências, como ter estado preso, ser dançarina exótica, etc.

9. Chegar com fome

Uma cena caricata relatada por outra profissional de RH foi o facto de ter alguém a comer todos os doces e rebuçados da tigela de doces enquanto tentava responder a perguntas durante a entrevista.

10. Enviar um suplente

Na impossibilidade de ir à entrevista, “o candidato enviou a irmã para ser entrevistada”.

11. Querer ser demasiado próximo

“Alguém que se candidatou a um emprego abraçou-me no final da entrevista”, disse um profissional de RH.

entrevista caricata

Outras situações bizarras relatadas por profissionais de RH

1. “Um candidato encomendou, para o decurso da entrevista, comida chinesa, incluindo um biscoito com o seu nome e telefone”;

2. “O candidato colocou cartazes do próprio no estacionamento da empresa”;

3. “O candidato chegou vestido de gato”;

4. “O candidato alugou um quadro de avisos, que o gerente de contratação podia ver do seu escritório, com uma lista das suas qualificações”;

5. “O candidato especificou que a sua disponibilidade era limitada, porque a sexta-feira, o sábado e o domingo eram dias de sair para beber uns copos”;

6. “O candidato explicou ter sido preso, afirmando: ‘Nós roubamos um porco, mas era um porco muito pequeno'”;

7. “Um candidato a emprego entrou para uma entrevista com uma catatua no ombro”;

8. “Uma vez, uma pessoa cortou as unhas enquanto conversávamos”;

9. “Eu estava a entrevistar alguém que pegou no telemóvel e pediu para sair do escritório enquanto conversávamos”;

10. “O candidato disse que ao passar a fronteira violou a sua liberdade condicional, mas sentiu que a entrevista valia o risco de uma possível prisão”;

11. “A candidata disse que era uma ‘pessoa de pessoas’, não uma ‘pessoa de números’, numa entrevista para contabilista”;

12. “Um candidato disse que estava quente. Pediu licença e tirou as meias. Depois de as colocar na mesa, continuou a conversa normalmente”.

Bem, excetuando situações e candidaturas bem específicas, será melhor evitar estas situações se quiser dar nas vistas pelos motivos certos.

Conhece outras situações engraçadas ou estranhas passadas em entrevistas de emprego? Da parte do empregador, do profissional de RH ou do candidato? Se quiser, partilhe-as connosco.

Veja também: