Publicidade:

5 skills de empregabilidade que deve incluir no seu currículo

As skills de empregabilidade são as competências e características gerais necessárias em quase todos os empregos. Saiba quais são.

5 skills de empregabilidade que deve incluir no seu currículo
Úteis para cartas de apresentação, currículos e entrevistas

As skills de empregabilidade são as competências comuns a quase todos os empregos, ou seja, são as caraterísticas que nos tornam “empregáveis” aos olhos de qualquer recrutador.

Estas competências gerais são as chamadas soft skills. São estas competências que indicam a sua capacidade de trabalhar em equipa, a capacidade de aplicar o conhecimento para resolver problemas e a capacidade de se adaptar facilmente a qualquer ambiente de trabalho.

Já são várias as empresas a referir estas competências nos seus processos de recrutamento. Ao publicar as vagas, muitas empresas referem não só os requisitos profissionais necessários à execução da função, como também indicam o perfil do candidato ideal.

Também há competências profissionais inseridas na lista das skills de empregabilidade. São as chamadas competências transferíveis porque são passíveis de ser usadas em diferentes áreas profissionais.

Quer saber quais são as skills de empregabilidade mais importantes e como as podes usar? Continue a ler!

Skills de empregabilidade: sabe quais as mais importantes?


Comunicação

Todos os recrutadores procuram candidatos com fortes capacidades de comunicação. A comunicação refere-se à capacidade de transmitir claramente informação a outros. Os empregadores querem colaboradores capazes de comunicar bem de forma escrita, verbal e não verbal.

Parte de ser um bom comunicador é também ser um bom ouvinte. Os profissionais precisam ser capazes de entender as questões e preocupações dos seus clientes e ouvir as instruções do empregador.

Trabalho em equipa

Trabalhar em equipa é importante em qualquer trabalho. Se há projetos de grupo, é necessário dar-se bem com os outros colegas para levar o projeto a bom porto.

Se não há muitos projetos de grupo, o trabalho em equipa continua a ser importante porque, para alcançar os objetivos da empresa, todos os colaboradores têm que estar alinhados na mesma estratégia organizacional, ou seja, continua a precisar de se dar bem com os seus colegas.

trabalho em equipa

Capacidade de análise

Esta competência refere-se à capacidade de entender, analisar e interpretar a informação, e tirar conclusões. Em qualquer emprego, o funcionário terá que avaliar situações e resolver problemas. Os colaboradores precisam de um pensamento lógico para tomar decisões fundamentadas.

Ética

Os empregadores procuram candidatos que entendam e sigam as regras, que se orientem por princípios de honestidade, que sejam confiáveis e que atuem de forma profissional e responsável.

Conhecimentos de informática

Esta é, na sua génese, uma hard skill. Os requisitos são mais exigentes e pormenorizados no que toca a programadores, administradores de sistemas, engenheiros de software, etc., porque são profissões que exigem um conhecimento mais profundo e vasto na área das tecnologias de informação.

Mas a verdade é que cada vez mais surge o requisito “conhecimentos de informática na ótica do utilizador”, ou seja, os recrutadores querem candidatos que saibam usar os programas comuns como o Microsoft Office, especialmente Word e Excel. Qualquer outro, além destes, será sempre uma mais-valia.

Como usar as skills de empregabilidade

Pode usá-las ao longo do seu processo de procura de emprego. Por exemplo, na descrição do seu histórico profissional, refira estas competências no seu currículo.

Na sua carta de apresentação, mencione uma ou duas das cinco skills de empregabilidade apresentadas e dê um exemplo específico da utilização dessas competências em ambiente profissional.

Numa entrevista de emprego, fale sobre elas e certifique-se de que tem um exemplo profissional para cada uma das competências.

Veja também: