Smartwatch da Louis Vuitton: um gadget de luxo

O smartwatch da Louis Vuitton chegou ao mercado em julho e é um dos mais caros do mercado. O relógio é compatível com Android e iPhone.

Smartwatch da Louis Vuitton: um gadget de luxo
Tambour Horizon é o smartwatch da Louis Vuitton

O Tambour Horizon é o novo smartwatch da Louis Vuitton, que chegou ao mercado em julho de 2017. Este é o primeiro smartwatch que a Louis Vuitton lança, seguindo assim o exemplo de outras marcas de luxo como a Michael Kors, Armani, Guess, Bulgari e Montblanc, que já tinham lançado este tipo de dispositivos. A Louis Vuitton junta-se, assim, à indústria dos wearables de luxo.

Este smartwatch da Louis Vuitton é um dos mais caros do mercado, tendo o Android Wear 2.0 como sistema operativo, e é compatível com telemóveis Android e iPhone.

A Louis Vuitton produziu o relógio em parceria com a Google e a Qualcomm, sendo o seu design baseado na linha de relógios Tambour, que a marca desenha desde 2002.

Tambour Horizon: o primeiro smartwatch da Louis Vuitton

O lançamento deste dispositivo marca a entrada e uma forte aposta da Louis Vuitton no mercado dos acessórios tecnológicos conectáveis. “Não sabemos para onde vai a indústria dos objetos conectáveis, mas sabemos que vai ser massiva. Pode-se ficar no canto e observar, ou mergulhar e fazer parte do processo”, referiu Michael Burke, presidente e diretor executivo da marca.

O nome Tambour está associado ao design da peça, que é bastante elegante, sendo Tambour uma designação para um elemento tradicional de arquitetura.

Este novo smartwatch da Louis Vuitton foi feito em parceria com a Google e a Qualcomm Technology, tendo a parte externa do relógio sido feita na Suíça. Não é a primeira vez que este tipo de parcerias acontece entre estes players: a TAG Heuer também trabalhou com a Google e com a Intel para desenvolver um smartwatch.

Este dispositivo faz praticamente tudo o que os outros smartwatches fazem: envia e-mails, envia notificações de mensagens, conta os passos e traz apps úteis e intuitivas para viagens.

A aplicação MyFlight dá pormenores em tempo real sobre itinerários (hora de embarque, número da porta de embarque, tempo até à partida, etc.). A app muda automaticamente para modo de voo e avisa o utilizador quanto tempo falta até chegar ao destino.

A app CityGuide dá informação acerca da cidade que vai visitar: sugestões de restaurantes, cafés, bares, lojas, hotéis, museus, etc.

A única funcionalidade clássica destes dispositivos que falta no novo smartwatch da Louis Vuitton é o monitor cardíaco.

Este smartwatch tem a vantagem de funcionar na China, graças a um acordo que a marca fez com plataformas chinesas como a Weibo, para que as plataformas correspondentes no Ocidente troquem automaticamente quando a sua utilização for mais adequada. O preço elevado do relógio é a principal desvantagem.

Especificações técnicas

  • Diâmetro: 42mm;
  • Espessura: 12,55mm;
  • Material: aço inoxidável;
  • Material da frente e traseira and back material: vidro Sapphire;
  • Display: touchscreen AMOLED de 3cm;
  • Resolução do ecrã: 390p X 390p;
  • Resistência à água: até 30 metros de profundidade;
  • Bateria: 300mAH (autonomia para cerca de 22h);
  • Processador: Qualcomm Snapdragon Wear 2100;
  • Armazenamento: 4GB;
  • RAM: 512MB;
  • Ligações: wi-fi e bluetooth;
  • Cores: grafite, castanho e preto;
  • Preço: a partir de 2128€.

 

Veja também:

Continuar a Ler
Ana Duarte Ana Duarte

Jornalista e gestora de comunicação no projeto Patient Innovation, Ana Duarte é mestre em Ciências da Comunicação, pela Universidade do Porto. A sua paixão pela escrita começou cedo, quando aprendeu a escrever e começou a criar os seus próprios jornais. Interessa-se por tecnologia, desporto, cinema e literatura.