Publicidade:

8 dicas para superar o tédio dos primeiros dias do ano

Os votos de ano novo renovaram o entusiasmo pela vida! Mas agora que tudo recomeçou paira um tédio nos dias de janeiro. Siga estas dicas para começar bem!

8 dicas para superar o tédio dos primeiros dias do ano
Como superar o tédio do primeiro mês do ano

O primeiro mês do ano surge após as celebrações festivas que tanta esperança, amor e calor trouxeram aos nossos corações! Os votos entusiastas para uma vida nova, intenções novas, novos projetos deixaram para trás o velho e o gasto. Um apelo ao começo entre brindes e abraços fazem virar a página para um novo ano!

E chegados a 2018… Está tudo igual! Tudo na mesma! Para além de que o pico do frio de janeiro nos traz uma imobilidade e uma rigidez que apenas apetece ficar quieto e em casa! Sente-se o tédio que paira nos primeiros dias do ano, após tanta agitação em dezembro! É uma espécie de ressaca emocional, física também!

A motivação para trabalhar, pensamento positivo para enfrentar o dia-a-dia, superar os obstáculos, conseguir produtividade são ingredientes essenciais para aproveitar ao máximo as suas qualidades e capacidades, avançando no novo ano e em novas oportunidades.

Dicas para acabar com o tédio e trazer entusiasmo ao novo ano


Cuide do seu corpo e da sua saúde

Comece por rever os seus hábitos alimentares e faça as correções necessárias para ter uma alimentação saudável e equilibrada.

Não adie mais os exames de saúde de rotina que deveriam ter sido cumpridos em 2017. Procure o seu médico e faça tudo o que é necessário para estar bem de saúde.

alimentação saudável

Faça exercício físico

A melhor medida para terminar com a estagnação física e psicológica que sente é praticar exercício. Procure um ginásio ou escolas de dança, yoga ou artes marciais.

Renovar energias através do exercício físico é muito compensador e devolve um bem-estar único ao corpo e à mente.

Organize o seu espaço

Em sua casa ou no local de trabalho, a desordem e a bagunça de coisas de que não precisa pode tirar-lhe muita energia pelo desconforto em que se traduz.

Selecione, arrume, organize as coisas para tornar o seu ambiente mais acolhedor e confortável. Este processo também ajuda a organizar a mente e as ideias.

trabalho

Delegue as tarefas que não se sente capaz de fazer

Não é possível fazer todas as tarefas. Algumas pode passar para alguém em quem confia e que as fará igual ou melhor, deixando-lhe tempo para fazer as tarefas de que mais gosta com mais tempo.

Procure a natureza

Dê um passeio pela natureza e procure passar umas horas, ou dias, junto de um local calmo e natural. O rio, a montanha, as florestas, os animais, as flores e as plantas são o melhor antídoto para o stress e a rotina gasta do dia-a-dia. O ar puro refresca estado de espirito e acalmam a mente.

yoga

Pague as suas dívidas

Não há nada melhor do que saber que não deve nada a ninguém e ninguém lhe deve a si. Pagar as contas a tempo, não deixar dívidas para trás, mesmo aquelas que ficaram esquecidas em 2017 e as quase insignificantes. A tranquilidade de ter tudo em dia vale ouro para nos sentirmos bem em consciência.

Defina uma estratégia para cumprir os objetivos e as promessas

Comece agora, não deixe para amanhã! Defina os seus objetivos para o ano 2018, pode ser mensalmente, trimestralmente ou o que for mais adequado.

Estabeleça um plano para cada, pense numa estratégia para conseguir vencer todos seus objetivos e cumprir todas suas promessas. Cada dia será importante e cada esforço investido trará resultados a seu favor.

objetivos

Não adie os seus sonhos

Chegou a hora de se sentar frente a frente com o(s) seu(s) sonho(s)! Não desperdice energia com desculpas, resistências, negociações e impossibilidades psicológicas construídas por si!

Olhe de frente para o(s) sonho(s), olhos nos olhos! Trate-o(s) por “tu”! Seja determinado e assuma a responsabilidade pelo seu caminho! Não se lamente sobre as dificuldades. Averigue as possibilidades e coloque toda a sua energia ao serviço da realização do(s) seu(s) sonho(s).

Existem encargos? Claro! Mas são menores quando vivemos próximos dos nossos sonhos, do nosso propósito, da nossa responsabilidade, do nosso melhor do que quando vivemos na sombra do medo, da preguiça e dos obstáculos!

Veja também:

Ana Luisa Santo Ana Luisa Santo

Enfermeira especializada em acupuntura e medicina tradicional chinesa. É uma apaixonada pela saúde natural e terapias alternativas, explorando ativamente formas seguras de cuidar a saúde e o bem-estar. Trabalhou no Serviço de Cuidados Intensivos do Hospital Geral Santo António, Porto. Atualmente trabalha na consulta de acupuntura do Hospital da Lapa. Docente no Instituto Jean Piaget. Enfermeira voluntária na AMI.