Publicidade:

Dicionário de técnicas básicas de cozinha

Por vezes, as receitas que seguimos utilizam vocabulário que nem sempre conhecemos: aprenda, de A a Z, todas as técnicas básicas de cozinha.

Dicionário de técnicas básicas de cozinha
Tudo o que precisa de saber para ser um verdadeiro chef

Quer conhecer a terminologia das técnicas básicas de cozinha? Então, basta acompanhar o nosso pequeno dicionário, onde estão explicadas todas aquelas palavras que nem sempre sabemos o que significam nas receitas que seguimos. Vamos desvendar o “ABC” da cozinha?

O bê-à-bá das técnicas básicas de cozinha

cozinhar

Para a sua comodidade, a lista das técnicas básicas de cozinha que apresentamos a seguir está por ordem alfabética. Fique atento e tome nota de tudo o que precisa de saber para fazer um brilharete entre os tachos.


Alourar

Termo usado, por exemplo, para a cebola no refogado; o mesmo que dourar.


Apurar

“Apurar” significa cozinhar lentamente um determinado alimento, até que fique com mais sabor e consistência.


Banho-maria

Esta é aquela técnica de cozinha que consiste em aquecer ou cozinhar um determinado prato ou alimento mergulhando o recipiente que o contém num outro com água a ferver – que pode ser feito no forno ou no fogão.


Branquear

Para “branquear”, mergulhe os) alimento(s) em água a ferver por apenas alguns minutos.


Caramelizar

Significa derreter o açúcar numa panela até que fique líquido e escuro; é a formação de uma calda a que se chama de caramelo.


Coar

O ato de passar um líquido através de um pano ou coador.


Confitar

Termo que significa cozinhar a carne na sua própria gordura, sem fritar e a baixas temperaturas.


Cortar em juliana

Significa cortar os legumes em palitos longos e finos.


Curtir

Fazer com que um determinado molho fique bem entranhado num alimento.


Decantar

Este é o processo de passar um líquido de um recipiente para o outro, de forma a perder os sedimentos.


Defumar

Defumar é submeter um alimento, especialmente carnes ou peixes, ao fumo oriundo da queima de plantas, com o objetivo de conservá-lo e alterar o seu sabor.


Embeber

Significa impregnar com líquido (água, leite, vinho, etc.).


Empanar

Passar um alimento por ovos batidos e farinha, antes de fritar.


Flambear

Passar um alimento rapidamente pelas chamas depois de regado com um líquido alcoólico.


Fritar

Cozinhar um alimento em gordura muito quente e abundante.


Gratinar

É o processo de dourar a parte de cima de um prato que pode estar coberto com queijo, por exemplo.


Grelhar

Significa cozinhar o alimento em grelhas (no fogão ou no carvão).


Incorporar

Envolver ingredientes com delicadeza e sem bater.


Macerar

Macerar é amassar um alimento de modo a retirar-lhe o sumo.


Marinar

É o processo de deixar os alimentos banhados num conjunto de temperos com azeite, vinho ou vinagre até que ganhem sabor e amaciem.


Mise en place

Este termo refere-se ao ato de preparar todos os ingredientes antes de começar a cozinhar.


Pelar

É retirar a pele de alguns alimentos, como as amêndoas ou os tomates.


Picar

Cortar os alimentos em pedaços muito pequenos.


Polvilhar

É cobrir um determinado prato com farinha, queijo, ervas, açúcar, pão ralado, etc.


Reduzir

Significa diminuir um líquido através da fervura.


Refogar

Para refogar, deve fritar a cebola em azeite, ou outra gordura, até alourar.


Saltear

Corar rapidamente um alimento em fogo forte e com pouca gordura, normalmente, mexendo sempre para não colar.


Selar a carne

É cozinhar a carne muito rapidamente numa superfície bem quente até formar uma espécie de crosta para garantir que a carne fique macia e suculenta.


Temperar

É condimentar os alimentos com sal, pimenta, ervas aromáticas ou outros condimentos.


Vidrar

Passar alguns doces numa calda de açúcar, de forma a que, ao secar, fiquem com aspeto de vidrados.

Gostou das nossas dicas? Temos a certeza que o nosso mini-dicionário das técnicas básicas de cozinha o vão ajudar a perceber melhor todas as receitas que vai encontrando e que gostaria de experimentar aí em casa.

Veja também: