AUMENTe AS sUAS PROBABILIDADES DE ARRANJAR EMPREGO!

Trabalhar em Itália: guia essencial

Entusiasmado com a língua, com a beleza histórica do país ou apenas desejoso de provar a comida? Ainda é possível encontrar emprego em Itália.

Trabalhar em Itália: guia essencial
A ponderar emigrar e trabalhar em Itália?

Guia essencial para trabalhar em Itália


Emprego

Com a grande crise económica e política que tem vindo a afetar diversos países europeus, existem muitas empresas, na Itália, à semelhança do que acontece em Portugal, a falir e a fechar, enviado os seus trabalhadores para o desemprego. No entanto, com esforço e perseverança ainda é possível encontrar emprego em Itália.


Salários

Um trabalhador, em Itália pode ganhar entre os 500 e os 1000 euros, mas existem ordenados superiores, dependendo das áreas e/ou funções. Lembre-se que o custo de vida em Itália é alto e que, por isso, com uma remuneração de 1000 euros terá de esticar o seu ordenado para conseguir pagar renda, luz, água, condomínio, etc., e ainda comer.


Habitação

Tal como acontece noutros países europeus, dependendo das cidades escolhidas, os valores de rendas podem ser mais baratos ou mais caros. Em Itália, de uma forma geral, os preços variam entre os 550 e os 900 euros mensais e a maioria dos imóveis já está mobilado.

O ideal será que procure uma casa temporária enquanto procura uma habitação mais definitiva, pois poderá demorar e assim estará mais tranquilo e sem pressas. Os hotéis são algo dispendioso por isso, caso tenha amigos na zona, peça-lhes para ficar com eles até encontrar o local certo para si.

Para alugar um imóvel, em Itália, irá precisar apenas do seu Cartão de Cidadão e/ou passaporte. Encontre todas as ofertas de imóveis disponíveis em Itália através das seguintes plataformas: Immobiliare, Porta Portese, Casa.it.


Cuidados de Saúde

No que diz respeito aos Cuidados de Saúde, em Itália, as condições sanitárias são idênticas às do nosso país. Enquanto cidadão Europeu, caso adoeça durante a sua estadia em Itália, sendo portador do Cartão Europeu de Seguro de doença, poderá beneficiar os cuidados médicos necessários, nas mesmas condições que as pessoas cobertas pelo sistema de saúde público desse país.

No entanto, o prosseguimento de tratamentos médicos anteriormente iniciados ou não urgentes não são abrangidos, nem incluídos, por aqueles cuidados.


Língua

Se está a ponderar trabalhar em Itália, é extremamente importante que aprenda a belíssima língua, o italiano. Caso não tenha muitos fundos para investir na aprendizagem desta língua, procure opções online. Existem muitos cursos, alguns deles gratuitos onde pode familiarizar-se com o idioma.


Visto

Para trabalhar em Itália, os cidadãos portugueses não necessitam de qualquer tipo de visto, identificando-se apenas com Bilhete de Identidade, Cartão de Cidadão e/ou Passaporte.

italia

Veja também: