Razões para trabalhar e não trabalhar nas férias

Antes de aceitar uma proposta de trabalho de verão, reflita sobre os prós e contras de trabalhar nas férias. Nós damos uma ajuda!

Razões para trabalhar e não trabalhar nas férias
Trabalhar nas férias: sim ou não?

A ideia de trabalhar nas férias pode parecer à primeira vista tentadora. Afinal, precisa daquele dinheiro extra e tem disponibilidade e tempo. Mas também há desvantagens, Ainda tem dúvidas? Damos-lhe os argumentos necessários para tomar a sua decisão!

Trabalhar nas férias: sim ou não?

A palavra “férias” significa, entre muitas outras coisas, fazer uma pausa no trabalho. A não ser que seja um autêntico workaholic para quem trabalhar nas férias é muito mais gratificante do que ir à praia, talvez seja boa ideia aproveitar o tempo livre para recarregar baterias e regressar ao trabalho pleno de energia.

Razões para trabalhar nas férias

Apresentamos-lhe os pontos a favor de trabalhar no seu período de descanso.

  • Juntar dinheiro extra: o seu emprego não lhe permite auferir um salário que lhe possibilite poupar dinheiro para cumprir um desejo pessoal ou simplesmente para precaver o seu futuro? Então, poderá encontrar trabalhos que possam ser feitos a partir de casa nas suas férias;
  • Oportunidade para viajar: imagine ensinar inglês a crianças na Costa Rica e trabalhar para a preservação de espécies animais no Equador ou na Nova Zelândia. As férias podem constituir uma excelente oportunidade para conhecer o mundo através de programas de voluntariado. Procure no site Earthwatch e embarque na aventura;
  • Aumentar o nível de qualificação e melhorar o CV: perante o cenário de ausência de formação no seu emprego habitual, pode investir o tempo de férias na aquisição e desenvolvimento de novas competências, se fizer do estudo o seu trabalho de férias.

 

trabalhar durante ferias

Razões para não trabalhar nas férias

Se já está a começar a ver com bons olhos a ideia de trabalhar nas suas férias, chegou o momento de se confrontar com os aspetos negativos desta opção.

  • As férias são uma oportunidade para investir na família e nos amigos: passar tempo de qualidade, sozinho e/ou com as pessoas de quem gosta pode e deve ser uma prioridade nas férias. O tempo de qualidade é um bem precioso nos dias que correm e poderá arrepender-se de não o ter passado durante as férias, com a sua família ou com os amigos;
  • As férias servem para recarregar baterias: pense que poderá ser a única altura do ano em que tem oportunidade para descansar e recarregar baterias para que quando voltar ao trabalho a sua capacidade, energia e vontade estejam no auge para enfrentar uma nova temporada laboral;
  • As férias como período de reflexão: durante o ano de trabalho, entre tantos afazeres, poderá nunca ter tido tempo de refletir sobre o que faz, o que gostaria de fazer, sobre o que poderia melhorar na sua vida, globalmente. Faça uma auto análise a 360 graus, agora que está livre de trabalho durante as férias. Quem saber se na rentrée não toma a decisão de dar um rumo completamente diferente à sua vida profissional?

O segredo está no equilíbrio

Seja qual for a sua opção, lembre-se de ponderar bem antes de decidir trabalhar nas férias. As suas energias não são inesgotáveis e irá necessitar delas para o resto do ano de trabalho. Equilibre bem a sua necessidade de descanso com a vontade de auferir mais dinheiro ou de adquirir experiência antes de aceitar uma proposta! Boa sorte!

Veja também:

Continuar a Ler