Trombose: principais tipos e formas de prevenção

A trombose consiste na formação de um coágulo no sangue que impede a sua normal circulação.

Trombose: principais tipos e formas de prevenção
Um problema que pode afetar diferentes partes do organismo

A trombose é um problema bastante comum, que incide com maior frequência em pessoas com idade superior a 60 anos (o que não impede que nas outras idades ela não aconteça).

Em que consiste este problema? Uma trombose acontece quando a passagem do sangue num determinado vaso sanguíneo fica impedida pela formação de um coágulo, também denominado de trombo - daí o nome trombose.

Estes coágulos podem, nos casos menos graves, impedir a circulação de uma forma localizada, ou, nos casos mais severos, podem chegar a atingir os pulmões - gerando-se a embolia pulmonar.

 

Causas de uma trombose

Existem alguns fatores de risco que podem aumentar a probabilidade de desenvolver uma trombose:

 

Tipos de trombose

Existe uma classificação mais geral dos tipos de trombose - trombose enosa e trombose arterial - de acordo com o local de desenvolvimento do trombo ou coágulo - na veia ou na artéria. No entanto, dentro destas categorias, existem subtipos de trombose:

 

Trombose arterial

A trombose arterial acontece quando um coágulo se desenvolve numa artéria do nosso organismo. Quando a artéria afetada é a coronária, pode gerar-se um ataque cardíaco; quando são as artérias cerebrais, pode acontecer um acidente vascular cerebral.

É necessário uma grande atenção pois em grande parte das vezes a trombose não tem sintomas associados, além de ligeiros inchaços dos membros inferiores ou vermelhidão e endurecimento de algumas partes do corpo.

É muito importante, por isso, ao mínimo sinal, visitar o seu médico para que um diagnóstico possa ser desenhado. É muito mais fácil prevenir uma trombose do que tratá-la!
 

Trombose venosa

No caso da trombose venosa, o coágulo localiza-se numa veia do nosso corpo. Algumas das suas causas podem ser: alguma lesão ou fratura, a toma de alguns medicamentos, doenças hereditárias ou algum dos fatores de risco acima mencionados.

Este tipo de trombose ocorre em 90% dos casos nos membros inferiores e com prevalência na perna esquerda. Apenas 10% dos casos afetam os membros superiores, a zona abdominal e pélvica, cabeça e pescoço.

 

Trombose da veia Portal

A trombose da veia portal é um tipo de trombose venosa, sendo que afeta especificamente a zona hepática, prejudicando o fluxo sanguíneo do fígado.

 

Trombose da veia Renal

No caso da trombose da veia renal, os rins são afetados pela falta de drenagem, uma vez que a veia desta zona fica obstruída.


Trombose da Veia Jugular

Este é dos tipos de trombose mais raros. A trombose da veia jugular ocorre geralmente pelo uso de drogas e pode acabar em problemas como septicemia ou embolia pulmonar.  

 

Prevençao da trombose

Aposte na prevenção da trombose para que não tenha de vir a tratá-la:

  • Faça check ups regulares com o seu médico;
  • Pratique exercício físico;
  • Não abuse do tabaco e do álcool;
  • Hidrate-se;
  • Evite peso e gorduras a mais no seu organismo. 

Basicamente...trate de si!

Veja também: