9 truques para gastar menos no hipermercado

Conheça 9 truques para gastar menos no hipermercado: das compras online, às apps que comparam preços, passando pela essencial lista de compras.

9 truques para gastar menos no hipermercado
Não exceda o orçamento mensal para compras no hipermercado

Vale sempre a pena conhecer e aplicar alguns truques para gastar menos no hipermercado, até porque as despesas em bens alimentares, produtos de higiene, cuidados da casa, entre outras que lá se fazem, ocupam uma boa parcela do orçamento mensal.

No meio de tanta publicidade, estratégias de marketing, diversidade de locais de compra, campanhas, folhetos, cupões de super e hipermercados, nem sempre é fácil escolher a melhor opção de poupança, mas podemos começar por pensar nas seguintes sugestões para gastar menos no hipermercado.

Truques para gastar menos no hipermercado que deve conhecer

1. Faça uma lista de compras e siga-a

Certamente que já lhe aconteceu ir ao supermercado comprar apenas uma ou duas coisas que estavam a fazer falta, mas saiu de lá com um saco cheio e uma conta a pagar superior ao previsto.

Mas também, quem resiste àquela promoção de 50%? Àquele “leve 3 e pague 2”. Ou àquelas bolachinhas de aspeto delicioso? E a experimentar aquele iogurte novo anunciado na televisão?

Pois é, mas se queremos poupar, o melhor mesmo é pensar em casa no que é essencial comprar, fazer uma lista e manter o foco nela. Acredite que, a seguir, poderá realmente poupar dinheiro e também evitar desperdício ou acumulação de alimentos.

lista de compras

2. Experimente marcas brancas

Em vez de comprar nos hipermercados as marcas mais conhecidas, experimente produtos da marca da loja. Por vezes, não há diferença em termos de qualidade, trata-se apenas de uma questão de marketing e publicidade e pode vir a poupar muito dinheiro nas suas compras. Além disso, há cada vez mais produtos, o que aumenta a possibilidade de encontrar bons preços.

3. Compare preços

Instale no seu telemóvel aplicações que comparam preços; pesquise na internet, nos hipermercados ou respetivos folhetos os preços, pelo menos dos produtos que mais gasta para obter o melhor preço. Por vezes, as diferenças são verdadeiramente significativas.

4. Compre online

A opção de comprar online pode trazer várias vantagens: há hipermercados que fazem a entrega em casa gratuitamente; permite-lhe controlar os gastos de uma forma muito mais eficiente, porque não cai na tentação de comprar outros produtos que vê nos hipermercados e sabe de antemão o custo final das suas compras.

compras online

5. Reduza ou altere consumos

Troque álcool e refrigerantes por água, por exemplo, ou evite exagerar nos consumos de carne e peixe, optando por refeições saudáveis à base de massas, saladas, quiches, pratos vegetarianos, etc.

6. Não acumule produtos

Para evitar comprar por impulso, como dissemos na dica 1, faça uma lista do que realmente precisa do hipermercado e mantenha-se focado na mesma. Para ajudar a fazer a lista e impedir os desperdícios, verifique o que tem acumulado na despensa, armários e arca frigorífica e compre apenas os produtos que fazem falta ou prepare refeições a pensar em escoar todos os que lá estão.

Pense previamente nas refeições e não se passeie pelos corredores dos hipermercados porque vai sempre querer comprar algo mais.

7. Verifique os prazos de validade

Quer com os produtos que já tem em casa quer com os que vai comprar, verifique com atenção os prazos de validade. Em casa, coloque aqueles cujo prazo é mais curto à frente dos restantes e no supermercado tente comprar os que têm um prazo de validade maior para evitar que acabem no lixo.

prazos de validade

8. Planeie as refeições da semana

Como referimos na dica anterior, se pensar num menu semanal ou mensal vai poder comprar apenas aquilo de que realmente necessita. Para poupar ainda mais, pode planear as suas refeições de acordo com as promoções, isto é, em vez de fazer o plano de refeições para a semana e depois ir às compras, faça o contrário. Pense nas refeições depois de ver os produtos que estão em promoção. Irá certamente conseguir poupar nos ingredientes.

 9. Evite ir às compras para aliviar o stress

Há quem diga que ir às compras é uma terapia para o dia stressante no trabalho, para aquele amuo com alguém, para a tristeza, e até pode ser, mas estará a gastar dinheiro e por vezes desnecessariamente. E, cuidado, porque pode ficar ainda mais stressado quando vir a conta a pagar.

Opte por uma caminhada à beira-mar, por desporto, por cozinhar ou por fazer algo diferente que o liberte do stress e não implique gastar dinheiro. Mais tarde pode elaborar com calma a sua lista de compras para ir ao supermercado noutra altura.

Boas compras! E, se quiser, partilhe connosco as suas dicas para gastar menos no hipermercado.

Veja também: