Publicidade:

Vernee Mix 2: um excelente smartphone por um preço surpreendente

O Vernee Mix 2 é um Android de 6 polegadas que não deixa nada a desejar. O vidro espelhado na traseira dá-lhe um toque extra de sofisticação.

Vernee Mix 2: um excelente smartphone por um preço surpreendente
O Vernee Mix 2 prima pelo design e performance

A tendência dos smartphones com moldura de ecrã reduzida veio para ficar, com os telemóveis de topo como os da Apple e da Samsung a confirmar esta tendência com o lançamento dos seus flagships.

A marca chinesa Vernee está a seguir esta tendência, tendo apresentado em setembro o Vernee Mix 2, um smartphone de 6 polegadas com um rácio de ocupação de ecrã de cerca de 93% e estrutura em metal e vidro espelhado e design que faz lembrar o Samsung Galaxy S8.

Este gadget é uma opção a ter em conta para quem procurar um smartphone Android por volta dos 150€ (em flash sales). O Vernee Mix 2 é o primeiro telemóvel da marca que quase não tem moldura de ecrã.

Vernee Mix 2: atrativo em tudo

O grande problema da Vernee tem sido conseguir adquirir popularidade e, por conseguinte, afirmar-se melhor no mercado dos telemóveis Android de baixo custo.

Apesar de criar equipamentos competitivos, a marca chinesa não se tem destacado na vertente do marketing, pelo que isso tem sido a sua grande falha.

O Vernee Mix 2 apresenta um ecrã impressionante: tecnologia OGS, com uma incrível resolução 2160 x 1080 p. Os níveis de brilho e contraste do ecrã vão satisfazer até os utilizadores mais exigentes.

O processador, a memória RAM de 4 GB e os 64 GB de armazenamento interno (expansível até 256 GB) são excelentes especificações para um telemóvel desta gama. A articulação destas características vai proporcionar uma alta experiência no que toca à performance do produto.

O design é outro aspeto que nos faz esquecer que estamos perante um smartphone que custa cerca de 150 euros. O Vernee Mix 2 revela uma forte aposta do fabricante chinês no design, sendo que a parte traseira telemóvel é revistada a vidro espelhante. Para além do toque de elegância, esta particularidade de design faz com que o gadget fique mais confortável ao toque.

No que toca à câmara fotográfica, a Vernee também tem motivos de orgulho. A câmara traseira dupla, com 13 MP, é capaz de capturar fotografias muito detalhadas, mesmo com pouca luz. A câmara frontal também é bastante competente.

A bateria é outro aspeto apelativo neste equipamento: com 4200 mAh, permite uma utilização até oito horas com ecrã ativo. Tem sistema de carregamento rápido.

O Vernee Mix 2 é uma excelente escolha para quem procura um smartphone com um ecrã de moldura muito reduzida (praticamente inexistente), elegante e competente a vários níveis, e não quer gastar muito dinheiro. O único problema continua a ser a falta de popularidade da marca e, por isso, a sua capacidade de chegar a novos clientes.

Especificações técnicas
Sistema operativo Android 7.1
Ecrã 6 polegadas; vidro curvado, OGS, multi-touch 10
Resolução do ecrã 2160 x 1080 p
CPU Meditatek MT6757 / Helio P20 2,3GHz; 8 núcleos; 64 bit
GPU Mali T880MP (2 núcleos, 900Mhz)
RAM 4 GB
ROM 64GB
Memória externa Cartão MicroSD até 256Gb
Câmara traseira 13 MP, Dual LED flash
Câmara frontal 8 MP
 Conectividade 4G (LTE)
 Bateria 4200 mAh (não amovível)
 Dimensões 157 x 72,7 x 8,2 mm
 Peso 195 g
Rácio da ocupação do ecrã 93%
 Preço A partir de 169,99 dólares (cerca de 150 euros)


Veja também:

Ana Duarte Ana Duarte

Jornalista e gestora de comunicação no projeto Patient Innovation, Ana Duarte é mestre em Ciências da Comunicação, pela Universidade do Porto. A sua paixão pela escrita começou cedo, quando aprendeu a escrever e começou a criar os seus próprios jornais. Interessa-se por tecnologia, desporto, cinema e literatura.