PLANO DE SAÚDE MEDICARE - 6 mensalidades sem compromisso

Ministério da Saúde garante mais 338 médicos de família até julho

O objectivo do Governo é dar resposta a mais de 600 mil utentes que vivem nas regiões com maior carência de médicos de família.

Ministério da Saúde garante mais 338 médicos de família até julho
Mais de metade das vagas abertas são para a região de Lisboa e Vale do Tejo

O Ministério da Saúde abriu 338 vagas para contratar jovens médicos de família. O concurso, que já foi publicado em Diário da República, vai decorrer rapidamente. Os especialistas devem começar a trabalhar em julho.

A cada um destes novos médicos de família vai ter atribuída uma lista de 1900 utentes. No total, devem dar resposta a 642.200 doentes inscritos nos centros de saúde.

Cerca de metade do total das vagas é para a zona de Lisboa e Vale do Tejo. Só nesta região há mais de 700 mil utentes sem médico. Os Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES) com mais vagas a preencher são o de Sintra (19 vagas), do Alto Tâmega (17), do Estuário do Tejo, de Loures-Odivelas e do Algarve II Barlavento (todos com 15 vagas). Depois são necessários 14 clínicos nos ACES do Pinhal Litoral, de Almada Seixal, do Arco Ribeirinho, da Arrábida e do Algarve I Central.

A este concurso podem concorrer todos os médicos com grau de especialista na área de Medicina Geral e Familiar que não tenham uma relação jurídica de emprego por tempo indeterminado com serviços do Estado.

O Governo acredita que vai ser possível atribuir médicos de família a todos os portugueses até ao final da legislatura.

Consulte o despacho publicado em Diário da República com todas as vagas aqui.
 
Veja também: