Publicidade:

A história do Lusitano Clube deu um documentário

O Lusitano Clube vai lançar um documentário sobre o espaço que ocupou durante mais de cem anos.

A história do Lusitano Clube deu um documentário
Um clube centenário

Em 1905, o Lusitano Clube instalou-se na Rua São João da Praça, em Alfama. Durante mais de cem anos, foi dinamizando o bairro com todo o tipo de atividades, com espaços de convívio e com uma boa oferta cultural. Em fevereiro de 2017, a coletividade centenária foi obrigada a abandonar o edifício que sempre ocupou depois de este ter sido vendido para a construção de apartamentos de luxo. Uma história que acabou por se tornar num documentário.

Lusitano Clube, uma coletividade de referência

“Sem se saber ainda se seria um final definitivo ou um triste interregno, convidámos uma equipa de realização a acompanhar os 10 últimos dias do centenário e histórico espaço”, lê-se na página de Facebook do Lusitano Clube. “O que nasceu ultrapassou estes últimos dias e tornou-se um testemunho de décadas e um documentário não apenas sobre o Lusitano Clube, mas também sobre uma cidade em inequívoca mutação. Que Lisboa é esta e que futuro vai ter? Como conjugar o nosso património social e cultural do passado, com uma capital moderna virada para fora?“

O documentário foi realizado por Ricardo Reis e encontra-se, neste momento, na fase final de pós-produção. A data de lançamento ainda não foi divulgada mas deverá estar para breve. O Lusitano Clube, por outro lado, também já encontrou uma nova morada – vai mudar-se para as Escolas Gerais, também no bairro de Alfama, num processo que contou com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.

Veja também: