Airbnb: apartamentos em Lisboa triplicaram

O número de apartamentos inscritos no site airbnb, para a capital portuguesa, quase triplicou entre 2014 e 2016.

Airbnb: apartamentos em Lisboa triplicaram
33 mil apartamentos disponíveis na capital portuguesa

A AirBnb é uma plataforma online, fundada em 2008, com sede na Califórnia. Aqui é possível encontrar e alugar alojamentos em cerca de 190 países em todo o mundo. O site permite que as pessoas se inscrevam quer como anfitriões, isto é, donos da casa que a disponibilizam total ou parcialmente para aluguer, quer como clientes que procuram um alojamento.


AirBnb cresce em Lisboa

No início de 2014, em Lisboa, havia cerca de 10 000 casas disponíveis na plataforma. No início deste ano, segundo dados apresentados pela própria airbnb, existiam já cerca de 33 mil casas disponíveis na capital portuguesa.

Segundo o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, este aumento considerável do turismo na capital permite que as pessoas participem no próprio desenvolvimento da cidade. Já no ano passado a Associação de Turismo de Lisboa (ATL) informava que a capital liderava o crescimento turístico a nível nacional e europeu, o que significa que a região está a saber aproveitar o crescimento do setor a nível internacional.

De acordo com os dados recolhidos pela ATL, 99,3% dos turistas que visitam a capital portuguesa afirma que gostaria de regressar para outra vista, enquanto o grau de satisfação global em relação à estadia se encontra nos 9,28 numa escala de 1 a 10. A Câmara Municipal de Lisboa reconhece a necessidade de manter a atratividade da cidade através da implementação de novos projetos turísticos que possam continuar a atrair visitantes.

A airbnb disponibiliza várias ferramentas de ajuda a todos os que se inscrevam na plataforma, garantindo um acompanhamento de qualidade ao processo de alugar a totalidade ou parte da sua casa. A empresa fornece conselhos ao nível dos preços praticados ou das medidas a tomar para que a sua casa esteja pronta para receber hóspedes. Os anúncios colocados pelos anfitriões são gratuitos, embora seja depois cobrada uma taxa de serviço por cada reserva.

Esta plataforma possibilita um acesso fácil ao mercado do turismo, garantindo um rendimento extra aos anfitriões. Esta tem sido a chave do sucesso da plataforma a nível mundial, e em particular no caso evidente de Lisboa.

Veja também: