Banca europeia a caminho do melhor trimestre em 7 anos

Desde 2009 que a Banca Europeia não tinha um trimestre assim. Boas notícias para 2017?

Banca europeia a caminho do melhor trimestre em 7 anos
Melhores valores desde 2009

A banca europeia atravessa um momento de grande recuperação nas bolsas. O ano de 2016 ficou marcado por uma forte volatilidade no setor mas o segundo trimestre acabou por registar fortes melhorias. Depois de um ano de turbulência económica e política, a banca europeia caminha a passos largos para o melhor trimestre desde 2009.

O Financial Times já fez as contas e revelou que o valor do index bancário do Euro Stoxx aumentou 30% desde o início de outubro, aproximando-se dos ganhos de 33% entre julho e setembro, quando o mercado começou a recuperar da crise.

É importante referir que as ações da banca europeia registaram a maior queda em junho depois do referendo no Reino Unido ter ditado a saída da União Europeia, devido aos receios de um abrandamento económico e também das medidas dos bancos centrais.

“A performance dos bancos europeus em 2016 tem sido como duas faces da mesma moeda, com um segundo semestre de recuperação forte depois de uma má performance na primeira metade do ano”, referiu Konner Lakhani, analista do Deutsche Bank citado pelo FT.

Em Portugal, à semelhança da banca europeia, o cenário parece cada vez mais positivo. Veja-se o exemplo do BCP que, após uma forte desvalorização registada durante o verão, tem visto a sua cotação em bolsa aumentar devido à entrada dos chineses da Fosun no capital do banco. 

Veja também:

Continuar a Ler