Crédito Pessoal em Débito Direto

O Banco de Portugal divulgou recentemente um estudo que apresenta as 30 maiores empresas que recebem através de débito direto. As empresas de Crédito Pessoal figuram na lista e são uma fatia considerável deste bolo.

Crédito Pessoal em Débito Direto

 

As empresas de crédito pessoal são um dos principais credores a receber, por parte do devedor, através de débito direto, refere um estudo apresentado pelo Banco de Portugal no âmbito do Plano de Migração para o Sistema Único de Pagamentos Europeu. Na lista das 30 maiores empresas credoras de Débitos Diretos, o Crédito Pessoal aparece destacado e contam com a presença de sete entidades distintas - Banco BNP Paribas Personal Finance, Banco Credibom, Banco Primus, Banco Santander Consumer PT, Caixa Leasing E Factoring, CETELEM e ONEY. O crédito pessoal tem, como se pode verificar, um lugar de destaque neste estudo de novembro de 2012.
As empresas de seguros (LIBERTY Seguros ou Allianz), as prestadoras de recursos hídricos (EPAL), empresas de eletricidade (EDP ou Endesa) e de gás (Lisboagás ou Lusitaniagás), os fornecedores de comunicações (TMN ou Vodafone) e operadores de televisão por cabo (Cabovisão ou Zon) completam a listagem das maiores credoras por débito direto.


O débito direto é uma das formas mais comuns de pagamento. Mas como funciona este método? Os pagamentos são feitos através da autorização, por parte dos clientes, de débito periódico na conta bancária do valor de uma fatura em concreto, por parte da empresa credora.
Neste sentido, as empresas de crédito pessoal são as que mais e melhor recebem através deste método e, ao longo dos anos, foram criando hábitos de pagamento bastante saudáveis e conscientes. E sendo que o crédito pessoal é o tipo de empréstimo mais comum, este é também o produto que lidera as listas de pagamento débito periódico na conta bancária.


O pagamento por débito direto às empresas de crédito pessoal é quase uma exigência por parte das mesmas. No entanto, para os clientes esta será a forma mais segura, confortável e fiável que existe. Além de evitar atrasos e esquecimentos, o débito direto permite uma gestão racional e equilibrada dos orçamentos.
O crédito pessoal é, na sua maioria, pago através de débito direto por se considerar a melhor forma de atuar, reduzindo ao mínimo o risco de incumprimento e assegurando os procedimentos mais fiáveis do mercado, assim revelam estes dados.