Universidade oferece disciplina sobre Beyoncé

Se calhar está na hora de voltar a universidade: se quiser aprender tudo o que a Beyoncé representa inscreva-se na Universidade de Copenhaga.

Universidade oferece disciplina sobre Beyoncé
Em Copenhaga, esta cadeira universitária estuda a cantora

A cantora Beyoncé é o núcleo de estudos de uma disciplina na Universidade de Copenhaga, onde já estão inscritos mais de 75 alunos. O Departamento de Estudos Culturais e Artísticos apresenta uma disciplina intitulada “Beyoncé – género e raça”, como parte do currículo já do próximo semestre.

beyonce

Estudar Beyoncé na universidade: uma realidade escandinava

A disciplina é lecionada pelo professor Erik Steinskog, que informa que a cadeira pretende explorar o impacto da cantora em questões de género e sexualidade. Os alunos terão a oportunidade de analisar o trabalho da artista, sendo que um dos principais objetivos é introduzir o pensamento feminista negro, ainda pouco conhecido na Escandinávia.

O professor informou ainda que os métodos usados nesta disciplina serão muito semelhantes ao usados no ensino da literatura, ou mesmo da música clássica. A pertinência da disciplina justifica-se pelo incrível impacto que Beyoncé tem tido no mundo da música, mas também em questões de identidade feminina.

Devido ao imenso interesse que esta cadeira suscitou junto da comunidade universitária, a Universidade de Copenhaga já fez saber que esta será lecionada numa sala maior para acomodar o elevado número de alunos inscritos.

Veja também: