Junta de Freguesia de Belém recruta 12 pessoas

A Junta de Freguesia de Belém abriu concurso para seis técnicos superiores, cinco assistentes técnicos e um assistente operacional.

Junta de Freguesia de Belém recruta 12 pessoas
Concurso já está a decorrer

Anda à procura de emprego na zona de Lisboa? Esteja atento às oportunidades em aberto na Junta de Freguesia de Belém.
Esta autarquia local abriu concurso para contratar seis técnicos superiores, cinco assistentes técnicos e um assistente operacional. A remuneração vai dos 530 aos 1.200 euros.

Para candidatar-se às vagas de técnico superior precisa de ter licenciatura na área a que se candidata. Um dos postos de trabalho a preencher é na área da Educação, devendo o candidato ter dois anos de experiência de trabalho na área em autarquias. Há ainda duas oportunidades na área dos Licenciamentos, para quem tiver um ano de experiência; e outras duas na área da Cultura, onde é preciso ter dois anos de experiência em autarquias locais em áreas culturais, biblioteca e/ou arquivo.

Por fim, a Junta de Freguesia de Belém procura um técnico superior na área do Desporto, com licenciatura em Ciências do Desporto, Educação Física e Desporto; cédulas de Diretor Técnico, Treinador de Desporto – Natação Pura – Grau II ou superior, e Técnico(a) de Exercício Físico, emitidas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude – IPDJ; além de dois anos de experiência de direção técnica de piscina de autarquias.

Para as funções de assistente técnico é preciso ter, pelo menos, o ensino secundário completo. Quatro dos postos de trabalho são para a área da administração geral e exigem entre um e dois anos de experiência. Há ainda uma vaga na área do Desporto, que implicam ao candidato ter Cédulas de Treinador(a) de Desporto – Natação – Grau I ou superior, e Técnico(a) de Exercício Físico, emitidas pelo Instituto Português do Desporto e Juventude – IPDJ.

O assistente operacional que a Junta de Freguesia de Belém quer recrutar tem que  ter o 9.º ano e vai ocupar as funções de motorista, pelo que deve ter um ano de experiência em condução de transporte adaptado (para transporte de doentes e de pessoas com dificuldades de mobilidade) ou ambulâncias; carta de condução de veículos da categoria B com o averbamento “Grupo 2”.

Conheça todas as vagas em pormenor no aviso de abertura do concurso que está a decorrer até 26 de janeiro.
 
Veja também: