Serralves está a recrutar

A Fundação Serralves, hoje reconhecida, em Portugal, como uma das principais instituições culturais, está a recrutar novos elementos para a equipa.

Serralves está a recrutar
Serralves alia a arte ao património arquitetónico e paisagístico

Criada em 1989, a Fundação Serralves é constituída pela Casa, o Parque, o Museu de Arte Contemporânea, o Auditório e a Biblioteca. Procura projetar, nacional e internacionalmente, a arte, bem como o património arquitetónico e paisagístico com o intuito de estimular o interesse e o conhecimento dos diferentes públicos que acolhe ao longo do ano.

A sua equipa trabalha no sentido de fazer de Serralves uma referência e um centro de conhecimento, nacional e internacional, promovendo a diversidade da oferta cultural, com uma intervenção inovadora e sustentada. Neste momento, a Fundação encontra-se em busca de novos talentos para assumir os cargos de Gestor de Projetos Editoriais e Coordenador do Serviço Educativo do Parque.

Gestor de Projetos Editoriais


Qualificações e requisitos

  • Formação superior de Estudos Culturais, História da Arte ou similar;
  • Experiência mínima comprovada de três anos em função similar.

Perfil

  • Capacidade de gestão de projetos e planeamento;
  • Elevada capacidade de organização, rigor e atenção ao pormenor;
  • Excelente domínio da língua inglesa (falada e escrita), sendo preferencial o domínio de outra língua estrangeira;
  • Bom contacto interpessoal e poder de argumentação;
  • Gosto por trabalhar em equipa.

Funções

  • Participar no processo de conceção editorial e gráfico de publicações e materiais de interpretação e divulgação de exposições programadas pela direção do Museu;
  • Coordenar e supervisionar a produção das mesmas, em estreita colaboração com os comissários, artistas, editoras e/ou outras entidades envolvidas;
  • Colaborar na elaboração do orçamento anual do programa editorial, de acordo com o plano de atividades aprovado pela direção do Museu, bem como monitorizar e controlar os custos de produção das publicações sob a sua responsabilidade;
  • Colaborar com os diferentes serviços da fundação, no processo de seleção, contratação  e negociação de fornecedores de serviços (design, fotografia, ensaísmo, tradução, e impressão);
  • Assegurar a obtenção junto dos detentores dos respetivos direitos, a autorização para a utilização de textos e imagens a incluir em publicações produzidas pela Fundação, bem como manter atualizado o arquivo das mesmas, permitindo a sua fácil consulta, sempre que necessário;
  • Efetuar ou orientar, se aplicável, pesquisas destinadas à elaboração de bibliografias e outros materiais a incluir em publicações produzidas pela Fundação;
  • Identificar e propor o estabelecimento de parcerias com outras instituições e editoras/distribuidoras de referência, para a distribuição/divulgação de publicações produzidas pela direção do Museu;
  • Contribuir para a definição do programa editorial da direção do Museu e para a avaliação da pertinência e sustentabilidade de um plano de publicação eletrónica.

Candidatura

Os interessados nesta oferta de emprego devem preencher o formulário de candidatura e enviar o CV, acompanhado de carta de motivação, até ao dia 3 de setembro.

A candidatura é submetida através do site.

Coordenador do Serviço Educativo do Parque


Qualificações e requisitos

  • Licenciatura em Engenharia do Ambiente, Biologia ou outra similar;
  • Experiência mínima de cinco anos em função similar, com gestão de equipas pluridisciplinares.

Perfil

  • Capacidade de liderança e de motivação de equipas;
  • Capacidade de iniciativa, autonomia, organização e planeamento;
  • Bom contacto interpessoal, capacidade de argumentação e negociação;
  • Domínio da língua inglesa;
  • Bons conhecimentos em ferramentas de análise, nomeadamente em Excel.

Funções

  • Liderar e coordenar a oferta de programas educativos do Parque: atividades de produção e as equipas afetas e assegurar o cumprimento da estratégia educativa e pedagógica, bem como dos objetivos definidos pela Fundação;
  • Definir, propor, programar e implementar um conjunto de iniciativas educativas anuais que visem a promoção do desenvolvimento dos objetivos educativos, culturais e ambientais, apoiando os professores, pais e instituições no seu percurso educativo, através da dinamização de atividades – e disponibilização de recursos didáticos – direcionadas para os diferentes públicos;
  • Identificar e selecionar os recursos necessários, conteúdos educativos, metodologias e os parceiros (privados ou públicos), de acordo com os diferentes públicos-alvo;
  • Identificar, selecionar e estabelecer parcerias com entidades externas, desenvolvendo com estas projetos educativos inovadores, capazes de captar novos públicos e trazer valor acrescentado;
  • Monitorizar regularmente os resultados obtidos, com vista a antecipar/identificar potenciais desvios e propor novas ações que visem reverter a situação;
  • Representar o Museu de Serralves e a Fundação a nível local, nacional e internacional, através da participação em conferências, seminários e outros eventos relacionados com o Parque-Educação.

Candidatura

A candidatura, que consiste no preenchimento do formulário de candidatura, envio do currículo e carta de motivação, pode decorrer até ao dia 3 de setembroaqui.

Veja também: